Odair vê regularidade no Inter e se anima: "As coisas vão acontecer"

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Inter

Odair Hellmann saiu esperançoso do empate sem gols com o Cruzeiro, neste domingo (29), em Porto Alegre. O treinador do Internacional aprovou a atuação, elogiou o desempenho e chegou a dizer que mantendo o nível o Colorado viverá dias mais felizes. "As coisas vão acontecer", resumiu. No meio de tudo isso, houve espaço para uma pequena lamúria justamente pelo volume e chances perdidas em jogo da terceira rodada do Brasileirão.

É uma frustração diferente. Odair, e todo o Inter, saiu inconformado pelo número de chances de gol que acabaram sendo criadas e não terminaram no fundo das redes.

"Fizemos um bom jogo, no primeiro tempo mais cadenciado e com Cruzeiro mais postado. Aí o jogo fica mais lento mesmo. Deixamos o jogo lento e não era a nossa ideia… No segundo tempo fomos melhor, mas durante o jogo todo não deixamos contra-ataque. A gente tem feito isso muito bem. O nosso retorno estava muito forte e perfeito. No segundo tempo tivemos mais controle, mais velocidade e intensidade. Faltou o gol… Faltou o gol para consumar a vitória. Saímos tristes pelo empate. Pelo o que jogamos, temos que ficar mais inconformados mesmo", disse o treinador.

No segundo tempo, o Inter acertou o travessão com Lucca e assistiu o goleiro Rafael se destacar com defesas de vários tipos. À queima roupa, com reflexo. De longe, com elasticidade. E até com sorte.

"Temos uma regularidade no Brasileiro no desempenho. E as coisas vão acontecer. Tanto dentro como fora, elas vão acontecer", comentou Odair Hellmann.

O Internacional soma quatro pontos no Campeonato Brasileiro e volta a jogar somente no domingo, contra o Flamengo. A partida no Rio de Janeiro está marcada para o Maracanã.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos