Time do Inter elogia atuação e 'culpa' goleiro do Cruzeiro por empate

O Internacional saiu meio satisfeito e meio insatisfeito. A parte boa, neste domingo (29) no Beira-Rio, fica por conta da atuação diante do Cruzeiro. A fatia de frustração recai na pontaria do time e também no desempenho do goleiro Rafael. Para os jogadores do Colorado, a vitória na terceira rodada do Brasileirão só não veio graças ao defensor de luvas do time mineiro.

No segundo tempo, o volume do Inter foi ainda mais contundente. Lucca chegou a acertar a trave e depois quase garantiu a vitória em chute rasteiro salvo pela ponta dos dedos de Rafael.

"O goleiro deles estava em uma noite feliz", resumiu Rodrigo Dourado na saída de campo. "Temos que manter esse nível de atuação. Se não fosse pelo Rafael, com excelente atuação, teríamos vencido", comentou Danilo Fernandes.

Ainda no primeiro tempo, o goleiro do Cruzeiro se destacou. Mas depois do intervalo é que a atuação dele saltou aos olhos. Também pela postura do Inter, que foi mais agudo.

"No mínimo a gente teria vencido, não fosse o Rafael. Pelo volume de jogo, chances. O Rafael fez uma das melhores partidas da vida dele e garantiu o empate para o time deles", reiterou Danilo Fernandes.

Na próxima rodada, o Internacional visita o Flamengo no Rio de Janeiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos