Vitória aproveita novas falhas da defesa do Vasco e ganha por 3 a 2

Do UOL, em São Paulo

Mesmo melhor durante praticamente todo o jogo, o Vasco foi derrotado pelo Vitória neste domingo (13), por 3 a 2, em São Januário, no Rio de Janeiro, em jogo válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro, e perdeu a invencibilidade na competição. Assim como aconteceu no jogo contra o Bahia, no meio da semana, pela Copa do Brasil, a defesa da equipe carioca voltou a falhar.

Com o resultado, o Vasco, que tem um jogo a menos, se mantém com sete pontos e cai para a sexta colocação. Já o Vitória, que conseguiu o seu primeiro triunfo no campeonato, chega a quatro, mas continua na zona de rebaixamento (está em 17º).

O time visitante abriu o placar com André Lima graças a uma falha do volante Leandro Desabato. Yago Pikachu, de pênalti, logo depois de ver Ríos desperdiçar uma penalidade, deixou tudo igual. Lucas Fernandes e Werley, contra, anotaram os outros gols do triunfo do Vitória. Ríos descontou. Os jogadores do Vasco deixaram o campo sob os gritos de "time sem vergonha".

Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Andrés Rios, do Vasco, carrega a bola durante a partida contra o Vitória

Foi bem: Yago Pikachu

Pikachu foi a grande ameaça para o Vitória. O jogador se movimentou bem e criou boas chances para marcar. Em uma delas, só parou em ótima defesa de Caíque. De quebra, ele marcou o gol de pênalti que empatou o jogo.

Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Yago Pikachu comemora o seu gol para o Vasco contra o Vitória

Foi mal: A defesa do Vasco

Desábato já havia falhado no jogo do meio da semana, contra o Bahia, pela Copa do Brasil, e voltou a cometer um erro neste domingo. O resultado era meio óbvio: ouviu os resmungos da torcida em São Januário. Como se não bastasse, Werley marcou um gol contra.

Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Desábato, do Vasco, tenta um passe enquanto é observado por Neilton, do Vitória

Início animador com Pikachu

O Vasco começou melhor. Yago Pikachu teve duas boas chances para marcar. Aos nove minutos, ele apareceu livre na área e ficou cara a cara com o goleiro Caíque, mas pegou muito mal na bola. Aos 15 minutos, o jogador chutou cruzado, de fora da área, e levou muito perigo.

Falha e gol do Vitória

O Vitória não oferecia tanto perigo, mas o Vasco deu um gol de presente. Martín Silva tentou sair jogando e Desábato recuou mal. Em uma bola curta, o goleiro dividiu com Neilton. Na sobra, André Lima chutou para as redes para abrir o placar.

Dois pênaltis para um gol

O Vasco teve uma grande oportunidade para empatar aos 37 minutos do primeiro tempo, quando Wagner foi derrubado por Rhayner na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Ríos parou em Caíque. Porém, no rebote, ao tentar isolar a bola, o goleiro cometeu outro pênalti, desta vez em Caio Monteiro. Pikachu cobrou e não desperdiçou.

Caíque brilha

No segundo tempo, o Vasco foi com tudo para cima do Vitória, mas parou na muralha chamada Caíque. O goleiro fez ao menos três grandes defesas para salvar o time visitante. "Pude ajudar a minha equipe com uma boa partida. Quem entra tem que corresponder", disse Caíque após a partida em entrevista para o canal Premiere FC.

Vitória aproveita o contra-ataque

O Vitória parecia feliz com o empate, mas conseguiu algo melhor. Aos 25 minutos da segunda etapa, em um rápido contra-ataque, Lucas Fernandes colocou a equipe baiana novamente na frente do placar. Logo depois, Werley, contra, fez 3 a 1. O Vasco bem que tentou uma reação com o gol de Ríos, mas não teve forças para buscar o empate.

Jogador nas arquibancadas

O atacante Paulo Vitor, do Vasco, não saiu do banco de reservas, mas se envolveu em uma pequena confusão com torcedores e seguranças após o término da partida. Seu irmão, o atacante Denílson, que atua no Vitória, se direcionou para o setor da social de São Januário para entregar sua camisa para um familiar. Vascaínos que estavam no local, porém, passaram a hostilizar o jogador do time baiano, o que fez o atleta cruzmaltino intervir.

Reprodução/Sportv
Paulo Vitor, atacante do Vasco, foi para o setor da social de São Januário

O retorno de Breno

O zagueiro Breno voltou a ser relacionado para uma partida depois de seis meses afastado por causa de uma lesão no joelho. Em novembro de 2017, ele precisou passar por uma artroscopia no menisco externo do joelho esquerdo. Neste domingo, o zagueiro foi escalado no time titular para formar a dupla de zaga ao lado de Werley.

Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Breno, do Vasco, tenta tomar a bola de André Lima, do Vitória

Homenagem no Dia das Mães

Antes do início da partida, o Vasco fez uma homenagem. Mães com filhos desaparecidos entraram em campo com os jogadores. A ideia, de acordo com o clube, é chamar a atenção para um programa que se dedica à identificação e localização de crianças e adolescentes desaparecidos.

Um tem clássico local, o outro, regional

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Vasco visita o Flamengo, no sábado (19), enquanto o Vitória recebe o Ceará, no domingo (20).

VASCO 2 X 3 VITÓRIA

Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Hora: 16h (Horário de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Auxiliares: Heronildo Freitas da Silva (PA) e Luis Diego Nascimento Lopes (PA)
Cartões amarelos: Breno (Vasco), Henrique (Vasco), Walisson Maia (Vitória), Willian Farias (Vitória) e Fillipe Soutto (Vitória).
Gols: André Lima, do Vitória, aos 17 minutos do primeiro tempo, Yago Pikachu, do Vasco, aos 39 minutos do primeiro tempo, Lucas Fernandes, do Vitória, aos 25 minutos do segundo tempo, Werley, contra e a favor do Vitória, aos 30 minutos do segundo tempo, e Andrés Rios, do Vasco, aos 37 minutos do segundo tempo.

Vasco
Martín Silva; Rafael Galhardo, Werley, Breno e Henrique; Desábato e Bruno Silva (Bruno Cosendey); Wagner (Riascos), Yago Pikachu e Caio Monteiro (Kelvin); Andrés Rios.
Técnico: Zé Ricardo

Vitória
Caíque; Lucas, Kanu, Walisson Maia e Jeferson; Willian Farias e Fillipe  Soutto; Rhayner (Lucas Fernandes), Neilton e Wallyson; André Lima (Denilson).
Técnico: Vagner Mancini

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos