Em jogo de vaias, Palmeiras perde pênalti no fim e leva virada do Sport

Do UOL, em São Paulo (SP)

O Palmeiras podia até beliscar a liderança do Campeonato Brasileiro por algumas horas na noite deste sábado, mas saiu do Allianz Parque mais uma vez sob desconfiança. Pela sétima rodada da Série A, o Verdão até abriu o placar contra o Sport, mas sofreu com golaços e vacilos defensivos para ser derrotado por 3 a 2. O revés incluiu até gol do ex-palmeirense Rafael Marques e pênalti perdido por Keno no último minuto.

A vantagem aberta pelo Palmeiras foi consequência de uma jogada coletiva, bem trabalhada, com gol de Keno. O volante Anselmo, do Sport, virou com dois golaços na volta do intervalo. Hyoran, que entrou no lugar do vaiado Lucas Lima, empatou também com bonito chute. Até que, já aos 41 minutos da etapa final, Rafael Marques aproveitou falha de Jailson para sacramentar o triunfo pernambucano. 

O Leão foi a 11 pontos, mesma marca em que o Palmeiras parou. Na oitava rodada, os paulistas encaram o Cruzeiro, às 21h45 de quarta-feira, no Mineirão. No mesmo dia, mas às 19h30, o time do Recife recebe o Atlético-MG na Ilha do Retiro.

MARIVALDO OLIVEIRA/ESTADÃO CONTEÚDO

Os melhores

Com dois bonitos gols, Anselmo despontou como o melhor da partida na capital paulista. O volante marcou Lucas Lima com facilidade e deu até chapéu, dominando o meio de campo. Só não deu para salvar o golaço anotado por Hyoran, que empatou o jogo. O armador palmeirense rapidamente mostrou superioridade em relação a Lucas Lima e ajudou a abrandar a pressão da torcida.

Os piores

Sem Borja, a serviço da seleção colombiana, Roger Machado resolveu apostar em Guerra como "falso 9" no ataque palmeirense. O venezuelano, porém, não aproveitou a chance recebida. Foram poucas participações, efetividade mais rara ainda, que culminaram com uma troca com o jovem Papagaio no segundo tempo. No Sport, a pior jornada foi a lateral direita. Claudio Wink foi mal e saiu machucado. Raul Prata que entrou na sua vaga foi expulso em um pênalti cometido no fim.

De bem com Roger?

Desde a derrota para o Corinthians, em 12 de maio, parte da torcida do Palmeiras passou a pedir a demissão do técnico Roger Machado. Essa pressão partia, principalmente, dos grupos organizados. Mas, na noite deste sábado, as uniformizadas voltaram a cantar o nome do treinador como forma de apoio.

Árbitro se distrai e permite "escanteio com duas bolas"

Marcos Rocha chegou na linha de fundo, aos quatro minutos, e cruzou. A bola bateu em Sander, quicou fora do gramado e voltou para Magrão fazer a defesa e correr para ligar contra-ataque. Enquanto o goleiro do Sport tinha a bola nas mãos e olhava para frente, os jogadores do Palmeiras viram a marcação do escanteio, pegaram outra bola e cobraram rápido para a área vazia. Magrão conseguiu se recuperar e atirou a "primeira" bola em direção à "segunda. Uma confusão tremenda que o árbitro Dewson Freitas mal percebeu.

Calma, Felipe Melo!

Em dois minutos, aos 17 e aos 19, Felipe Melo tentou se justificar com auxiliares de Dewson. Primeiro, pisou no tornozelo de Gabriel, na frente do bandeira. Ele contestou, mas pareceu aceitar a ponderação de Helcio Araújo Neves. Depois, chegou atrasado para conter cruzamento de Neto Moura e acertou carrinho forte no volante do Sport, que precisou de atendimento médico. Sobrou cartão amarelo para Felipe, que pediu desculpas para o adversário quando a partida recomeçou.

Magrão salva o Sport

Depois de falta duvidosa de Anselmo em Keno, Dudu mandou na área com precisão e encontrou o zagueiro Antônio Carlos. O zagueiro cabeceou forte no canto esquerdo, mas viu o goleiro Magrão fazer linda defesa. O lance levantou a torcida no Allianz Parque, que andava calado pela falta de emoções no confronto.

Golaço coletivo premia o Verdão

A partida começou em ritmo acelerado, mas com certo ar de bagunça. Aos poucos, entretanto, o Palmeiras conseguiu colocar a bola no chão e trocar passes com mais paciência e precisão. Foi assim que o time de Roger Machado começou a incomodar o goleiro Magrão. Foi assim que o placar foi aberto: triangulação entre Lucas Lima, Dudu e Diogo Barbosa, que cruzou rasteiro para Keno marcar. Foi o oitavo do atacante na temporada, o primeiro nesta edição da Série A.

Desfalque no Mineirão

Diogo Barbosa saiu para o intervalo feliz com a assistência dada para Keno abrir o placar. Mas em menos de um minuto da etapa final, o lateral-esquerdo já arrumou um problema. A falta sobre o atacante Rogério, que entrou no lugar do volante Neto, rendeu cartão amarelo e suspensão para enfrentar o Cruzeiro. A partida contra seu ex-time está marcada para quarta-feira, no Mineirão.

Anselmo, o persistente, empata

A mudança feita por Claudinei Oliveira deixou o Sport mais agressivo, a ponto de arrumar um escanteio já aos cinco minutos. Felipe Melo cochilou e Anselmo subiu sozinho para cabecear na trave. A bola ficou viva na área, Marcos Rocha tentou afastar o perigo, mas deixou a bola limpa para Anselmo, de novo, dar bonito voleio e empatar. O estrago só não foi maior para o Palmeiras porque, minutos depois, um contra-ataque de seis contra dois foi desperdiçado pelos pernambucanos de maneira bizarra.

Vaiado, mais uma vez

Lucas Lima apareceu mais para organizar o jogo pelo meio, deixando Guerra encarregado de criar mais à frente. No primeiro tempo, achou bons passes e até participou da jogada do gol palmeirense. Mas isso não foi suficiente para acalmar a torcida do Verdão. Quando Roger o sacou, aos 19 minutos do segundo tempo, para lançar Hyoran, o meia teve de encarar fortes vaias no Allianz Parque.

Sem reação, Palmeiras leva a virada

O gol precoce do Sport poderia servir de lição para o Palmeiras se concentrar mais na partida. Mas o que se viu foi um time disperso, perdendo divididas e sem levar perigo ao goleiro Magrão. Os pernambucanos perceberam o ritmo mais baixo e tentaram segurar mais a bola. Fellipe Bastos deu bela virada de jogo para Marlone, que rolou para Anselmo sair da marcação e bater Jailson com categoria. Belíssimo gol!

Lucas Lima? Hyoran neles!

As vaias para Lucas Lima quase deixaram despercebida a entrada de Hyoran. Ainda teve o bonito gol de Anselmo, virando o jogo e deixando a torcida do Palmeiras mais revoltada. Mas o meia lançado por Roger fez questão de chamar a atenção. Arriscou de fora da área e garantiu mais um golaço na noite deste sábado.

A lei do ex entra em ação

Pouco após o empate alviverde, o Sport respondeu imediatamente com Rafael Marques. O atacante aproveitou escanteio levantado na área e apareceu nas costas de Diogo Barbosa para subir e fazer o terceiro do time pernambucano. É o primeiro gol dele com a camisa rubro-negra, e justamente contra um ex-clube.

Magrão salva no último minuto

O Palmeiras partiu para o desespero, insistindo em chuveirinhos na área do Sport. Os pernambucanos se dividiam entre a pressa para espirrar a bola e reclamar dos cinco minutos de acréscimos quando Raul Prata fez pênalti em Dudu e foi expulso. Keno pegou a bola para bater e Magrão buscou no canto direito baixo para coroar a grande atuação pernambucana.

FICHA TÉCNICA:
PALMEIRAS 2X3 SPORT

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data/Hora: 26 de maio de 2018, às 19h
Árbitro: Dewson Freitas (PA)
Assistentes: Helcio Araújo Neves e Heronildo Freitas (ambos do PA)
Renda: R$ 1.506.726,18
Público: 25.947 pagantes
Cartões amarelos: Felipe Melo, Diogo Barbosa e Marcos Rocha (PAL); Anselmo e Ernando (SPT)
Cartão vermelho: Raul Prata (SPT)

GOLS: Keno, aos 32 minutos do primeiro tempo, e Hyoran, aos 37 minutos do segundo tempo (PAL); Anselmo, aos cinco e aos 27, e Rafael Marques, aos 41 minutos do segundo tempo (SPT)

PALMEIRAS: Jailson, Marcos Rocha, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Felipe Melo (Deyverson), Bruno Henrique e Lucas Lima (Hyoran); Guerra (Papagaio), Dudu e Keno. Técnico: Roger Machado.

SPORT: Magrão, Claudio Winck (Raul Prata), Ronaldo Alves, Ernando e Sander; Anselmo, Neto e Fellipe Bastos; Gabriel (Carlos Henrique), Marlone e Rafael Marques. Técnico: Claudinei Oliveira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos