'Parece que está no contrato ter que sofrer', diz Zé Ricardo no Vasco

Do UOL, no Rio de Janeiro

Um aliviado Zé Ricardo se apresentou para a entrevista coletiva após a vitória apertada do Vasco por 1 a 0 sobre o lanterna Paraná, nesta quarta-feira, em São Januário, pelo Campeonato Brasileiro. O treinador lembrou da série de desfalques para a partida e as chances perdidas, como o pênalti desperdiçado por Giovanni Augusto no fim do segundo tempo.

"Uma vitória emblemática, porque as dificuldades eram imensas para montar a equipe. Muitos jogos em sequência e realmente tivemos verdadeiramente um treino, ontem, para posicionar nossa equipe. Muitos meninos estreando, num clima de pressão. Parece que está no nosso contrato ter que sofrer para ganhar o jogo", desabafou.

O pênalti desperdiçado por Giovanni Augusto, inclusive, foi tema na coletiva. Oficialmente, os cobradores são Yago Pikachu ou Andrés Rios, mas o meia pediu para bater. Na avaliação de Zé Ricardo, a atitude do jogador foi errada.

"O Giovanni Augusto chamou a responsabilidade e errou, na minha opinião. Ainda não falei com ele. Ele pediu para bater, quem iria bater seria Ríos ou Pikachu. Mas eu não ia sair do banco gritando. Isso é uma responsabilidade e ele responde por isso", declarou o treinador.

O Vasco chegou aos 11 pontos na competição e tem um jogo a menos. Neste sábado, também em São Januário, tem pela frente o clássico com o Botafogo. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos