Pior defesa x pior ataque: Vasco e Paraná se enfrentam em crise dos setores

Bruno Braz e Napoleão de Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro e em São Paulo

  • REUTERS/Agustin Marcarian

    Defesa do Vasco é a mais vazada entre clubes da Série A com 50 gols em 32 jogos

    Defesa do Vasco é a mais vazada entre clubes da Série A com 50 gols em 32 jogos

A partida entre Vasco e Paraná, nesta quarta-feira, às 19h30, em São Januário, pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro, marcará o duelo da pior defesa do ano, entre os times da Série A, contra o pior ataque.

Com o 3 a 0 sofrido no último domingo para o Bahia, o Cruzmaltino chegou à incrível marca de 50 gols sofridos em 32 jogos, uma média de 1,5 por partida.

O ataque do Paraná, que marcou 19 gols em 21 jogos no ano, explica um pouco o jejum de oito partidas sem vitórias, desde a eliminação no Paranaense. Neste Brasileirão, o Tricolor fez apenas três gols nas sete primeiras rodadas, dois deles atuando fora de casa, contra Chapecoense (1 a 1) e Santos (derrota por 3 a 1).

Para o zagueiro vascaíno Werley, que retorna de lesão, a receita é simples para o fim das críticas: vencer. Em sua avaliação, poder atuar novamente ao lado de Breno, que volta de suspensão, melhorará o rendimento em campo.

"Sabemos que as críticas são normais. Para fugir dessas críticas temos de ganhar sempre. Eu e o Breno temos feito grandes jogos, como contra Flamengo e Universidad de Chile, por exemplo. Jogos equilibrados, onde estivemos defensivamente bem", declarou o defensor, indicando um ponto em que o time está devendo: "Com todo mundo se ajudando, não sobrecarrega nenhum setor da equipe. Todo mundo precisa se abraçar e ralar mais a bunda no chão para conseguirmos nosso êxito".

O lateral-esquerdo Mansur, do Paraná, evitou projetar o duelo contra a pior defesa entre os times da Série A no ano.

"Acredito que será um jogo muito bom, muito disputado. A nossa equipe está criando boas oportunidades de gol, porem a bola não tem entrado. Então temos que continuar trabalhando para que o gol saia e tomara que seja o mais rápido possível".

12 desfalques no Vasco

Por diversos motivos, o Vasco terá 13 desfalques nesta quarta contra o Paraná. Veja abaixo:

Lesionados: Rafael Galhardo, Thiago Galhardo, Kelvin, Bruno Silva, Rildo e Paulinho
Suspensos: Wagner e Desábato
Afastados: Wellington, Paulão, Evander e Gabriel Félix
Convocados: Martín Silva (Uruguai)

VASCO X PARANÁ
Local:
São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Hora: 19h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Auxiliares: Jorge Eduardo Bernardi e Jose Eduardo Calza (RS)

Vasco
Fernando Miguel, Yago Pikachu, Werley, Breno e Henrique; Andrey e Bruno Cosendey; Riascos, Giovanni Augusto e Caio Monteiro; Andrés Rios
Técnico: Zé Ricardo

Paraná
Thiago Rodrigues; Júnior, Neris, Cleber Reis e Mansur; Leandro Vilela, Torito González, Jhonny Lucas e Caio Henrique; Silvinho e Carlos
Técnico: Rogério Micale

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos