Vasco vence lanterna Paraná com gol de Pikachu e espanta a crise

Do UOL, no Rio de Janeiro

Com um golaço do artilheiro Yago Pikachu, o Vasco venceu o Paraná por 1x0, nesta quarta-feira, em São Januário, e espantou a crise após a derrota acachapante para o Bahia por 3 a 0 no último domingo. O gol foi feito ainda no primeiro tempo da partida.

O Vasco chega agora aos 11 pontos e a 10ª posição. O Paraná permanece com três pontos e sem vitória na competição.

O Cruzmaltino agora vai embalado para o clássico com o Botafogo, neste sábado, novamente em casa. Já o Paraná segue na lanterna e ainda sem ter vencido no Campeonato Brasileiro.

Quem foi bem – Yago Pikachu

O polivalente jogador faz sua melhor temporada no Vasco. Com a série de desfalques da equipe, chamou a responsabilidade e não decepcionou. Criou oportunidades e fez um golaço, mantendo a artilharia do time em 2018.

Quem foi mal – Caio Monteiro

O jovem atacante novamente não foi bem. Errou muitos passes e acabou irritando os torcedores presentes em São Januário.

Burocrático: Luiz Gustavo improvisado na lateral

Os desfalques fizeram com que o técnico Zé Ricardo improvisasse o zagueiro Luiz Gustavo na lateral direita. O jogador fez o feijão com arroz e se preocupou em não dar espaços na defesa no seu setor. No ataque foi tímido. No segundo tempo, quase entregou o ouro ao recuar uma bola para Fernando Miguel que Carlos Eduardo quase aproveitou.

Atuação do Vasco – Melhorou na etapa final

O Vasco encontrou muitas dificuldades no primeiro tempo, errando uma grande quantidade de passes e não conseguindo ser efetivo. O gol no fim da etapa inicial foi um alento e fez com que o time voltasse melhor para o segundo tempo, quando teve outras oportunidades e poderia ter vencido por um placar maior, inclusive tendo perdido um pênalti.

Atuação do Paraná – Time teve atitude

Limitado tecnicamente, o Paraná fez um jogo digno contra o Vasco, não se preocupando apenas em defender. Teve uma chance de empatar a partida no segundo tempo, mas Léo Itaperuna não soube aproveitar.

Zé Ricardo – Fez o que pôde

Com 14 desfalques para a partida, o técnico Zé Ricardo precisou de desdobrar para escalar a equipe. Conseguiu dar um padrão e o importante, nessas condições, foi conquistar os três pontos.

Rogério Micale – Corajoso

O treinador do Paraná não se limitou apenas em se defender e arriscou ir ataque, mas pecou no sistema defensivo ao ceder muitos espaços.

Quase entregou a paçoca!

Aos 37 minutos do primeiro tempo, Caio Henrique quase entregou a paçoca ao recuar a bola para o goleiro Thiago Rodrigues. Andrey por pouco não chegou na bola.

Gol do Vasco

O gol do Vasco aconteceu aos 43 minutos do primeiro tempo, quando o jovem volante Andrey fez belo lançamento e deixou Yago Pikachu de frente para o goleiro. Ele deu um chapéu em Thiago Rodrigues e empurrou para o fundo da rede. Golaço!

Riascos assustou

Aos 2 da etapa final, Riascos quis saber se o goleiro Thiago Rodrigues estava esperto e soltou uma bomba da intermediária. A bola passou com perigo!

O que você fez, Riascos?!

O colombiano proporcionou o lance mais bizarro da partida 15 minutos depois, quando partiu em disparada pela direita após linda finta de corpo e, na hora de cruzar, se atrapalhou todo, bateu com a bola nas duas pernas e caiu no chão de maneira patética. Em seguida, ficou deitado no gramado sentindo cãibras, mas voltou ao campo depois.

Fernando Miguel!!!!

O substituto de Martín Silva brilhou aos 24 minutos do segundo tempo quando, cara a cara com Léo Itaperuna, fez uma grande defesa, evitando o empate do Paraná.

Perdeu o pênalti!

Aos 32 minutos do segundo tempo, Andrés Rios sofreu pênalti. Na cobrança, Giovanni Augusto pediu a bola, mas bateu mal e perdeu. 

14 desfalques

Por diversos motivos, o Vasco teve 14 desfalques nesta quarta contra o Paraná. Veja abaixo:

Lesionados: Rafael Galhardo, Thiago Galhardo, Kelvin, Bruno Silva, Rildo e Paulinho
Suspensos: Wagner e Desábato
Afastados: Wellington, Paulão, Evander e Gabriel Félix
Convocados: Martín Silva (Uruguai)

Douglas Luiz na área

O jovem volante Douglas Luiz, de 18 anos, vendido ano passado para o Manchester City (ING), aproveitou o período de recesso na Europa e marcou presença em São Januário. Ele recebeu uma camisa personalizada das mãos do presidente Alexandre Campello. O jogador, que atuou por empréstimo no Girona (ESP), deverá ser aproveitado na próxima temporada pelo clube inglês. 

E Souza também!

Volante Souza, outro cria da base do Vasco e que está na Turquia, também esteve presente em São Januário.

Henrique suspenso

O lateral esquerdo Henrique recebeu o terceiro cartão amarelo e não enfrenta o Botafogo no clássico do próximo sábado.

VASCO 1 X 0 PARANÁ
Local:
 São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Hora: 19h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Auxiliares: Jorge Eduardo Bernardi e Jose Eduardo Calza (RS)
Cartões amarelos: Henrique, Andrey, Ricardo (VAS); Torito González, Jhonny Lucas (PAR)
Cartões vermelhos: Neris, aos 41 minutos do segundo tempo (PAR); Moresche, aos 47 minutos do segundo tempo (VAS)
Gols: Yago Pikachu, aos 43 minutos do primeiro tempo (VAS)

Vasco
Fernando Miguel, Luiz Gustavo, Werley, Ricardo Graça e Henrique; Andrey e Bruno Cosendey (Giovanni Augusto); Riascos (Ramon), Yago Pikachu e Caio Monteiro (Moresche); Andrés Rios
Técnico: Zé Ricardo

Paraná
Thiago Rodrigues; Júnior, Neris, Cleber Reis e Mansur; Leandro Vilela, Torito González (Carlos Eduardo), Jhonny Lucas e Caio Henrique; Silvinho (Léo Itaperuna) e Carlos
Técnico: Rogério Micale

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos