Paraná quebra jejum histórico com primeira vitória na elite após 10 anos

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

Quando o árbitro apitou o final do jogo entre Paraná e Fluminense após 50 minutos no segundo tempo, o torcedor paranista voltou a comemorar uma vitória em um jogo da Primeira Divisão do Brasil após quase 10 anos. Foi em três de novembro de 2007, com um placar de 1 a 0 sobre o Goiás, que o Paraná havia vencido pela última vez na elite nacional. De lá para cá, 10 disputas de Série B depois, o Tricolor paranaense jogou 11 jogos (três na reta final de 2007 e outros 8 em 2018) até conseguir nova vitória.

"A gente merecia essa vitória, a gente vinha jogando bem nos outros jogos, mas não estava saindo. Tomara que a gente embale agora. Era um peso grande nas costas, não dava nem para sair na rua, agora perdeu essa virgindade na Série A", disse Guilherme Biteco, autor do segundo gol nos 2 a 1 sobre o Flu, aos microfones do Canal Premiere, ainda na saída do gramado.

O jejum histórico interrompido também significou a primeira vitória após nove jogos na temporada. Desde 21 de março, quando bateu o Maringá por 1 a 0 pelo Paranaense, o Paraná não vencia. Entre 8 jogos do Brasileirão e a semifinal do segundo turno estadual com o Londrina, foram 5 derrotas e 4 empates.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos