Aguirre montou melhor Inter dos últimos anos e deixou trabalho interrompido

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • EFE/Elvis González

    Diego Aguirre foi treinador do Inter de janeiro a agosto de 2015 e campeão gaúcho

    Diego Aguirre foi treinador do Inter de janeiro a agosto de 2015 e campeão gaúcho

Diego Aguirre ainda é lembrado em Porto Alegre. Técnico do Internacional por apenas seis meses em 2015, o uruguaio montou a melhor equipe dos últimos anos no clube vermelho, campeão gaúcho e eliminado na semifinal da Libertadores. Foi demitido e até hoje considera o trabalho interrompido.

No 'Lance de Craque', evento beneficente que D'Alessandro promove anualmente na capital gaúcha, Aguirre comentou sua saída do Inter. Ele esteve em campo atuando no jogo amistos que reuniu jogadores e ex-jogadores no início da temporada. Na ocasião ele estava sem clube.

"Tenho o sentimento de um trabalho interrompido. Ganhamos o Gauchão, fomos bem na Libertadores. Quem sabe um dia não retorno para terminar um trabalho que estava sendo construído muito bem", comentou na zona mista do Beira-Rio.

Quis o destino que isso não ocorresse tão logo. Aguirre assinou com o São Paulo meses depois e voltou a trabalhar no Brasil. Curiosamente, ele foi atleta exatamente de Inter e São Paulo no país.

O elenco que ele tinha à disposição à época era bastante diferente, de fato. Aguirre possuía um elenco recheado de craques. Nilmar, Lisandro López, Alisson, D'Alessandro, Aránguiz entre outros ótimos valores. E ainda promoveu uma leva de jogadores que cresceram bastante, como Valdívia, Sasha, William e Rodrigo Dourado.

A demissão no Inter se deu por uma desavença da diretoria. O defensor da contratação de Aguirre sempre foi o vice de futebol Luíz Fernando Costa. Mas o dirigente morreu um mês após assumir o carto, dando lugar a Carlos Pellegrini que, a exemplo do presidente Vitório Píffero, não confiava nas capacidades do treinador. No primeiro momento sem resultado, houve a queda.

Depois de Aguirre o Inter foi comandado por Argel Fucks em 2015 até o meio de 2016, quando Falcão, Celso Roth e Lisca completaram a temporada de rebaixamento para Série B. Em 2017 vieram Antonio Carlos Zago e Guto Ferreira e neste ano com Odair Hellmann é que o time começa a dar a resposta antes vista apenas com Aguirre no comando.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X INTERNACIONAL
Data e hora
: 05/06/2018 (Terça-feira), às 21h30 (Brasília)
Local: estádio Morumbi, em São Paulo (SP)
Transmissão na TV: PPV
Árbitro: Paulo Roberto Alves Júnior (PR)
Auxiliares: Pedro Martinelli Christino e Luciano Roggenbaum (ambos paranaenses)
SÃO PAULO: Sidão, Militão, Arboleda, Anderson Martins e Reinaldo; Jucilei, Petros e Liziero; Lucas Fernandes, Everton e Diego Souza
Técnico: Diego Aguirre
INTERNACIONAL: Danilo Fernandes; Zeca, Rodrigo Moledo, Vicotor Cuesta e Iago; Gabriel Dias (Charles), Patrick, Edenílson, William Pottker e Lucca; Leandro Damião.
Técnico: Odair Hellmann

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos