Vasco marca em falha de Egídio, mas cede empate ao Cruzeiro no Mineirão

Enrico Bruno e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

Cruzeiro e Vasco empataram por 1 a 1 na noite desta quarta-feira (6) em partida válida pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro. Andrey abriu o placar e Raniel igualou o marcador no jogo disputado no Mineirão. Os mineiros ainda se queixam de um pênalti não marcado em Edilson, no primeiro tempo da partida.

A Raposa chega à quarta colocação do torneio, com 17 pontos, e fica a três do líder Flamengo, que joga nesta quinta-feira. Os cariocas ocupam a 13ª posição, com 12 pontos, e ficam a três do Atlético-PR, primeiro da zona de rebaixamento.

O melhor: Dedé vira arma ofensiva do Cruzeiro

Dedé fez nova partida consistente na defesa, mas a sua principal contribuição foi no ataque. Nas bolas aéreas, como de praxe, ele vai para a área adversária. Mas não foi só desta forma que o camisa 26 apareceu em campo no jogo realizado no Mineirão, na noite desta quarta-feira. Ele também se destacou por criar jogadas ofensivas. O zagueiro se responsabilizou por finalizações com o pé direito, cruzamentos e começou o lance que terminou em gol de Raniel.

O pior: Egídio falha feio em gol do Vasco

Pedro Vale/AGIF
Egídio, do Cruzeiro, lamenta erro em gol do Vasco

Egídio cometeu um erro que custou ao Cruzeiro a chance de sair com os três pontos e a quarta vitória seguida no Brasileirão. O lateral esquerdo tentou tocar uma bola com o lado do pé em jogada de Andrey e entregou a posse para o meio-campista do Vasco. O camisa 15 acertou um chute de rara felicidade e abriu o placar no Mineirão.

Andrey faz 2º gol seguido pelo Vasco

Andrey marcou um gol pela segunda partida consecutiva do Vasco. No Mineirão, ele aproveitou uma falha de Egídio na intermediária e mandou no ângulo esquerdo de Fábio em uma finalização de fora da área. Antes disso, o garoto revelado pelas divisões de base do clube carioca havia anotado contra o Botafogo, no revés por 2 a 1, no último sábado (2), pela nona rodada do Campeonato Brasileiro.

Raniel volta a marcar após cinco jogos em branco

Raniel encerrou uma série de cinco jogos sem marcar pelo Cruzeiro e voltou a estufar as redes no jogo desta quarta-feira. O atacante mandou por cobertura em um lance contra Fernando Miguel. Ele ficou sem celebrar no revés para o Atlético-MG e nos triunfos sobre Racing, da Argentina, Santos, Palmeiras e Ceará. O último gol havia sido na vitória por 2 a 1 sobre o Atlético-PR, pela partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

Sóbis emplaca sequência como titular e volta a ser decisivo

Rafael Sóbis vive um momento ímpar no Cruzeiro. Titiular em quatro jogos consecutivos, o atacante participou de gols do time nos últimos três jogos. Ele estufou a rede contra o Palmeiras, no triunfo por 1 a 0 no Mineirão, iniciou a jogada do gol de Sassá na vitória sobre o Ceará e deu assistência para Raniel marcar contra o Vasco, na noite desta quarta-feira.

Novo técnico do Vasco, Jorginho assiste ao jogo do Mineirão

Anunciado como novo técnico do Vasco na noite dessa terça-feiera (5), Jorginho foi ao Mineirão para assistir à partida contra o Cruzeiro. Acompanhado de PC Gusmão, coordenador técnico do clube, o treinador ficou no camarote do clube no estádio de Belo Horizonte. Ele fez anotações e avaliou os futuros comandados do local. Valdir Bigode, auxiliar da comissão fixa do Vasco, foi quem comandou o time do banco de reservas.

Afastados retornam ao Vasco no Mineirão

Afastados pela diretoria por ironizar os protestos da torcida, o trio Paulão, Evander e Wellington voltou a jogar pelo clube carioca na noite desta quarta-feira. O zagueiro foi titular da equipe durante os 90 minutos da partida ocorrida no Mineirão, enquanto o meia-atacante e o volante entraram no decorrer do confronto. Eles já estiveram na relação do time contra o Botafogo, no último sábado, mas só entraram em campo no jogo válido pela 10ª rodada do Brasileirão.

Árbitro falha e não marca pênalti para o Cruzeiro

Edilson ficou indignado por um erro de arbitragem no início do jogo. O lateral direito foi derrubado por Desábato com um carrinho na grande área, mas o árbitro Luiz Flávio de Oliveira (Fifa/SP) mandou o jogo seguir normalmente. O lance ocorreu a pouquíssimos metros do assistente Adriano de Assis Miranda, que também não assinalou nada na ocasião.

CRUZEIRO 1x1 VASCO
Motivo
: 10ª rodada do Brasileirão
Data/Hora: 6 de junho de 2018, às 21h45 (de Brasília)
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (Fifa/SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Fabio Rogerio Baesteiro (SP)

GOLS: Andrey, 21'1ºT (0-1), Raniel, 15'2ºT (1-1)
Cartão amarelo: Wagner e Yago Pikachu (Vasco)
Cartão vermelho: Não teve.
Público/Renda: 19.870 pagantes/23.725 presentes/R$411.772,00.

Cruzeiro: Fábio; Edilson, Léo, Dedé e Egídio; Henrique e Lucas Silva (Marcelo, 14'2ºT); Robinho, Thiago Neves, Rafael Sobis (Bruno Silva, 30'2ºT); Raniel. Técnico: Mano Menezes.

Vasco: Fernando Miguel, Luiz Gustavo (Wellington, 29'2ºT), Paulão, Ricardo Graça e Henrique; Andrey, Desábato, Bruno Cosendey (Evander, 17'2ºT), Wagner (Giovanni Augusto, 10'2ºT) e Yago Pikachu; Andrés Ríos. Técnico: Valdir Bigode (interino).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos