Loss diz que Corinthians "pode melhorar" e explica saída de Pedrinho

Do UOL, em São Paulo

O empate com o Santos nesta quarta-feira (6) mantém o Corinthians de Osmar Loss sob desconfiança. Após o 1 a 1 em Itaquera, o técnico valorizou o ponto conquistado no clássico, falou sobre a substituição de Pedrinho e admitiu que a equipe tem que melhorar.

"Até o gol sair, controlamos bem [o jogo]. Quando fizemos o gol, eles se lançaram mais ao ataque, e a gente se retraiu, até mais do que eu gostaria", avalia Osmar Loss em entrevista coletiva. "Demos campo demais ao Santos, mas a gente vai buscar isso em treinamento, que é o que menos temos. Mas temos que evitar dar campo. Temos que valorizar o ponto conquistado, mas saber que podemos melhorar", enxerga o treinador.

O Corinthians saiu na frente com Roger, já na etapa final. Mas caiu de produção, passou a ser dominado pelo Santos e sofreu o empate com Victor Ferraz aos 30 minutos. Pouco depois Loss tirou Pedrinho, um dos melhores da equipe, para apostar em Mateus Vital. Ele explica a troca.

"Não é que sobra para o Pedrinho, há vários fatores", argumenta. "Não posso tirar um jogador de bola aérea e colocar outro que não tem isso. Imagina se eu tomo um gol [na bola aérea]? E o Santos foi forte na bola parada, o Jean bate com precisão… São cuidados que passam despercebidos pelo torcedor, mas eu não posso deixar", explica o treinador corintiano, que garante que "vai chegar o momento" de Pedrinho jogar os 90 minutos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos