Com salário atrasado, Flu perde a 3ª seguida e vive fase ruim no Brasileiro

Leo Burlá e Thiago Fernandes

Do UOL, no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte

O Fluminense vive um momento conturbado na temporada. Com salários atrasados, a equipe perdeu o terceiro confronto consecutivo no Brasileiro ao ser superado pelo Atlético-MG por 5 a 2, na tarde de domingo (10), pelo Brasileirão, e gera preocupação ao torcedor.

Hoje, os atletas estão há dois meses sem receber os direitos de imagem. O valor da carteira tem um atraso menor - somente uma parcela está vencida.

O problema nos bastidores ocorre em um momento em que a equipe 'patina' em campo. Antes da derrota para o Atlético-MG, o Tricolor já havia perdido para Flamengo (2-0) e Paraná (2-1).

Com os resultados negativos, os comandados de Abel Braga estão em 11º na competição, com 14 pontos. Antes disso, a equipe chegou a assumir a vice-liderança do Brasileirão no dia 26 de maio, após vitória sobre a Chapecoense.

Desde então, a situação do Flu só piorou. Até arrancou um empate por 0 a 0 com o Grêmio no Rio Grande do Sul, mas depois disso foram três derrotas consecutivas. Agora, o time tenta juntar os cacos para se recuperar em 2018.

Apesar do momento conturbado na temporada, o técnico Abel Braga ainda vê pontos positivos na atuação dos jogadores. "O que eu vi a equipe jogar foi mais do que eu esperava. O Ibañez não vinha jogando. O Ayrton não jogava há muito tempo. O Gilberto se machucou no 1º tempo. O Douglas estava no segundo jogo", declarou logo após o jogo com o Atlético-MG.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos