Volante do Inter comemora gol com máscara do Pantera Negra e leva amarelo

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

O volante Patrick queria, no início, apenas fazer referência a seu bigode. Mas a comemoração pegando os pelos do rosto com braços cruzados, já feita uma série de vezes, foi interpretada por torcedores como uma alusão ao sinal de Wakanda, terra do personagem Pantera Negra do Universo de super-heróis da Marvel Comics. Nesta quarta-feira (13), o jogador resolveu encarnar o personagem de Chadwick Boseman nos cinemas, utilizou uma máscara para celebrar seu gol, mas levou cartão amarelo.

Era fim do primeiro tempo, 44 minutos, ele aparou um desvio em escanteio e, de primeira, colocou nas redes. Saiu correndo em direção ao banco de reservas do Inter, pegou uma máscara alcançada pelo massagista Paulo Renato da Silva, o Banha, colocou no rosto e ainda fez o sinal do personagem com os braços.

O 'Pantera Negra' arrancou gritos da torcida, mas não foi totalmente positivo. Acabou gerando cartão amarelo apresentado pelo árbitro Raphael Klaus.

Ao final, o Internacional venceu por 3 a 1 e por isso vai ao recesso da Copa do Mundo na quarta colocação.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos