Segue o líder! Fla goleia o Sport e se mantém na liderança do Brasileiro

Do UOL, no Rio de Janeiro

Não tem sido fácil a vida dos rivais que perseguem o Flamengo no Campeonato Brasileiro. Sem dar sopa para o azar, o Rubro-Negro goleou o Sport por 4 a 1, neste domingo, no Maracanã, - com gols de Réver, Lucas Paquetá, Éverton Ribeiro e Uribe, com Cláudio Winck descontando - e se manteve mais uma rodada na liderança da competição.

A equipe foi impulsionada por um estádio lotado com mais de 58 mil pessoas e tomou conta da partida desde os primeiros minutos. O gol de Réver logo aos 13 do primeiro tempo deu ainda mais confiança e tranquilidade aos comandados de Mauricio Barbieri, que não deram muitas oportunidades aos pernambucanos.

Após o susto com o empate no fim da etapa inicial, o Rubro-Negro voltou fulminante no segundo tempo e liquidou a fatura fazendo três gols em 18 minutos.

Nesta semana, o Flamengo terá uma "overdose" de Grêmio pela frente. Na quarta, encara os gaúchos em Porto Alegre (RS) pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. No sábado, os recebe no Maracanã pelo Campeonato Brasileiro.

Já o Sport recebe domingo a Chapecoense, na Ilha do Retiro (PE), pelo Brasileirão.

Marlos Moreno, enfim, apresenta cartão de visitas

Ainda em período de adaptação ao futebol brasileiro, o colombiano Marlos Moreno fez sua melhor partida com a camisa do Flamengo até aqui. Habilidoso, foi para dentro do Sport e ainda deu assistência para o gol de Éverton Ribeiro.

Zaga do Sport tem tarde para esquecer

Em um domingo infeliz, a zaga do Sport colecionou erros e falhou em todos os gols sofridos no Maracanã. As maiores trapalhadas aconteceram no segundo, feito por Lucas Paquetá.

Lençol

Aos 10 minutos do primeiro tempo, o jogo teve seu primeiro lance bonito, quando Sander aplicou um lindo lençol em Éverton Ribeiro.

Gol na raça de Réver

O gol do Flamengo aconteceu aos 13 minutos e do jeito que o rubro-negro gosta: na raça. Após escanteio da direita, Réver subiu com os zagueiros do Sport e, no rebote, enfiou o pé para estufar a rede do Maracanã.

Grande defesa de Magrão

Aos 19, Éverton Ribeiro deixou para Cuéllar, que ajeitou na entrada da área e arriscou chute forte. O goleiro do Sport salto para colocar para escanteio.

Foi pênalti?

Aos 30, Marlos chegou com velocidade pela esquerda, deu um drible e foi derrubado. O time do Flamengo pediu pênalti, mas a arbitragem mandou seguir.

Zaga dorme e Sport empata

No fim do primeiro tempo, o Maracanã tomou um banho de água fria quando o Sport cobrou uma falta para a área, a zaga do Flamengo cochilou e Cláudio Winck cabeceou para o fundo da rede.

Fla retorna fulminante e volta a ficar na frente

O Sport teve pouquíssimo tempo para comemorar, já que logo aos dois minutos, Uribe escorou de cabeça, o zagueiro Ronaldo Alves falhou e Lucas Paquetá, esperto, fez o 2 a 1.

E teve mais!

Passados apenas três minutos, a zaga do Sport voltou a falhar e Éverton Ribeiro, com categoria, chutou no ângulo para ampliar.

Quase o quarto!

Aos sete minutos do segundo tempo, após lindíssima jogada de Marlos, que fez fila, Paquetá recebeu na área e bateu de cavadinha na saída de Magrão. A bola foi para fora com perigo.

Fla amplia após falha de Magrão

O experiente Magrão acabou falhando no quarto gol do Flamengo. Aos 18, Uribe matou no peito e chutou fraco, de canhota, a bola quicou na grama e enganou o goleiro do Sport.

Guerrero no banco

Surpresa para muitos, o atacante Guerrero começou no banco de reservas contra o Sport. Após pedidos da torcida, o peruano entrou somente aos 28 minutos do segundo tempo. Seu contrato atual se encerrará em agosto e ainda não se sabe se ele permanecerá na Gávea.

Flamengo soberano

Luciano Belford/AGIF

O Flamengo dominou a partida inteira, mas cochilou no gol sofrido no fim do primeiro tempo. O Rubro-Negro, porém, não se abalou e teve uma volta de intervalo fulminante, resolvendo a parada logo no início.

Sport disperso

O Sport pareceu estar acuado com o Maracanã lotado e por muitas vezes foi disperso, o que custou muito caro nos gols sofridos neste domingo.

Barbieri ousou e acertou

O técnico Mauricio Barbieri surpreendeu a todos colocando Guerrero no banco de reservas. O treinador apostou num trio de ataque veloz e acabou acertando, já que o time criou diversas oportunidades pelas pontas. A marcação alta também foi um ponto positivo.

Paquetá artilheiro

Buda Mendes/Getty Images

Com o gol marcado neste domingo, Lucas Paquetá chegou a cinco no Campeonato Brasileiro e é o artilheiro do Flamengo na competição.

Vitinho apresentado

Homenagem

Os três goleiros do Flamengo exibiram na barra traseira de suas camisas o nome de Fernandinho, primeiro goleiro da história do Flamengo que faleceu no último sábado. 

Veja a chegada do ônibus do Flamengo

FLAMENGO 4 X 1 SPORT
Local: 
Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Hora: 16h (horário de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP)
Auxiliares: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
Cartões amarelos: Léo Duarte (FLA); Raul Prata (SPO)
Cartões vermelhos: Nenhum
Gols: Réver, aos 13 minutos do primeiro tempo (FLA); Cláudio Winck, aos 43 minutos do primeiro tempo (SPO); Lucas Paquetá, aos 2 minutos do segundo tempo (FLA); Éverton Ribeiro, aos 5 minutos do segundo tempo (FLA); Uribe, aos 18 minutos do segundo tempo (FLA)

Flamengo
Diego Alves, Rodinei, Réver, Leo Duarte, Renê; Cuéllar, Paquetá, Diego (Guerrero); Marlos Moreno (Jean Lucas), Éverton Ribeiro (Geuvânio) e Uribe
Técnico: Maurício Barbieri

Sport
Magrão; Raul Prata (Cláudio Winck), Ronaldo Alves, Léo Ortiz e Sander; Deivid (Ferreira), Fellipe Bastos e Marlone; Michel Bastos (Carlos Henrique), Gabriel e Rafael Marques
Técnico: Claudinei Oliveira

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos