Danilo marca dois sobre o Bahia e ajuda Corinthians a acabar com jejum

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

O Corinthians contou com a estrela de Danilo para acabar com o jejum de seis partidas sem vencer. Neste sábado à noite, na Arena, em São Paulo, a equipe do técnico Jair Ventura derrotou o Bahia por 2 a 1. Sem poder utilizar Jadson - que sentiu um desconforto na panturrilha direita -, os donos da casa tiveram dificuldade para criar, mas tinham a seu favor a experiência do meia. Os dois gols do veterano, que havia entrado no lugar de Emerson Sheik, foram marcados no segundo tempo. Clayton fez para os dos visitantes também na etapa final.

Com o resultado, o Alvinegro passou a somar 39 pontos, na 11ª colocação na tabela de classificação Campeonato Brasileiro, e passou a respirar um pouco mais tranquilo.

Na próxima rodada, o Corinthians encara o Botafogo, no domingo (4 de novembro), no Rio de Janeiro. No mesmo dia, na Fonte Nova, em Salvador ,os baianos recebem a Chapecoense.

Sem Jadson

Jair Ventura não pôde contar com o meia, considerado um dos principais jogadores do elenco alvinegro. O meia sentiu um desconforto na panturrilha direita e deu espaço para que Sérgio Díaz fizesse a sua estreia como titular no Brasileirão. Outro desfalque foi Roger, que cumpriu suspensão automática. Emerson Sheik também recebeu uma oportunidade entre os 11.

Disposição alvinegra

Com a necessidade de dar a volta por cima no Brasileirão, o Corinthians partiu para o ataque no primeiro tempo. Apesar de não contar com o passe de Jadson no meio de campo e da dificuldade para criar, o time da casa até tentou chegar ao gol adversário. Já o Bahia tentava apostar nos contragolpes, quase sempre com Edigar Junio. 

Bahia assusta e Cássio salva

Em seus contra-ataques, os visitantes levaram perigo ao gol corintiano. Cássio, por exemplo, salvou após chute de Ramires. Na sequência, Nilton subiu mais do que a zaga e, de cabeça, mandou para fora.

Chuva atrapalha torcida

José Eduardo Martins/UOL
Torcedores se esconderam da chuva durante a partida entre Corinthians e Bahia
Os torcedores tentaram se proteger da chuva que atingiu a Zona Leste de São Paulo durante a partida. Muitas pessoas procuraram lugares cobertos para não se molhar.

Jair mexe e Danilo, predestinado, marca

Com a dificuldade para chegar ao ataque, Jair resolveu mexer na equipe. O treinador trocou Emerson Sheik por Danilo, e obteve o resultado esperado. Logo no primeiro toque de bola, ele abriu o placar. Após cobrança de falta de Fagner, o meia apareceu para completar. O meia, que pouco atuou no ano passado por causa de lesão, não marcava desde 23 de julho de 2016.

Bahia tenta dar o troco; Corinthians aposta na velocidade

Os visitantes tentaram reagir e buscar o empate na sequência do segundo tempo. A equipe, porém, tinha dificuldade para chegar. Já o Corinthians apostava na velocidade, com Romero e Araos, e deu trabalho para Douglas.

De pênalti. Clayton empata

Quando a partida se encaminhava para o fim,  quando o árbitro Péricles Bassols marcou pênalti para o Bahia. Danilo teria puxado Nilton e o juiz anotou a infração. Clayton cobrou e marcou.

De bicicleta, Danilo faz o segundo

Muitos já não acreditavam na possibilidade de o Corinthians voltar a vencer, até brilhar mais uma vez a estrela de Danilo, que com estilo colocou os donos da casa mais uma vez à frente no placar. De bicicleta após rebote na área, ele fez o segundo. 

O melhor: Danilo

Experiente, mostrou mais uma vez seu poder de decisão e marcou os dois gols do Corinthians, sendo um deles de bicicleta.

O pior: Nino Paraíba

Marcou mal e exagerou nas faltas para tentar parar o ataque corintiano.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS x BAHIA

Data: 27 de outubro de 2018
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Árbitro: Péricles Bassols Cortez (PE)
Auxiliares: Rafael da Silva Alves (RS) e Michael Stanislau (RS)
Cartões amarelos: Emerson Sheik, Ralf (Corinthians); Ramires, Nilton, Nino Paraíba (Bahia)
Público e renda: 35.382 e R$ 1.116.596,50
Gol: Danilo a 1 minuto do 2º tempo; Clayton aos 39 do 2º; Danilo aos 44 do 2º

Corinthians: Cássio; Fagner, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Douglas; Romero, Pedrinho (Araos) e Sérgio Díaz (Mateus Vital); Emerson Sheik (Danilo). Técnico: Jair Ventura.

Bahia: Douglas Friedrich; Nino Paraíba (Clayton), Jackson, Lucas Fonseca e Léo; Gregore, Nilton, Ramires,e Vinícius (Allione); Élber e Edigar Junio (Júnior Brumado). Técnico: Enderson Moreira

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos