Grêmio só empata com Vitória e pode perder quarto lugar para o São Paulo

Do UOL, em Porto Alegre

O Grêmio não teve uma boa jornada e só empatou em 0 a 0 com o Vitória neste domingo (25), no Barradão, em Salvador, pela penúltima rodada do Brasileiro. O resultado pode rebaixar o time baiano ao fim da rodada e ajuda o São Paulo, que depende de uma vitória para assumir o quarto lugar.

Com 63 pontos, o time gaúcho perde o posto caso o São Paulo vença o Sport, segunda-feira. Já o Vitória permaneceu em penúltimo com 37 pontos e acabou rebaixado por conta do resultado da Chapecoense. 

Na última rodada do Brasileiro o Grêmio encara o Corinthians, em Porto Alegre. Já o Vitória encerra sua participação contra o Palmeiras em São Paulo.

Foi bem: João Gabriel brilha no segundo tempo

O goleiro do Vitória brilhou no início do segundo tempo. Com ao menos três defesas complicadas (duas no mesmo lance), o jogador segurou o resultado. E nos últimos minutos, voltou a salvar seu time com defesas, e ainda contou com a sorte ao ver a bola de Everton acertar a trave e correr sobre a linha aos 48 minutos. 

Foi mal: André irrita Renato Gaúcho

André foi escolhido novamente por Renato Gaúcho para começar como titular. Mas irritou o técnico. Uma série de erros em domínios, passes e conclusões fez o comandante perder a paciência. No fim da primeira etapa, já tinha gesticulado, gritado, caminhado de um lado para o outro e até que mandou Jael para o aquecimento. A troca aconteceu com 15 minutos de segundo tempo. 

Vitória erra (e insiste) em saída curta

O Vitória errou repetidamente a saída de bola. E insistiu durante toda a partida. Mesmo que Aderllan, Lucas Ribeiro, Jeferson, Fabiano e João Gabriel errassem uma série de passes promovendo oportunidades para o Tricolor, a estratégia foi mantida. Com o risco medido, o time até chegou algumas vezes, mas esbarrou, na maioria delas, na incapacidade técnica de sua linha ofensiva.

Grêmio reclama dois pênaltis

O Grêmio foi absoluto na partida, mas ainda assim demorou para criar oportunidades mais claras. Acertou a trave em escanteio, frequentou o campo adversário, teve mais posse de bola, mas não conseguiu multiplicar oportunidades. Teve lances em que até poderia ter melhor sorte, mas acabou reclamando pênaltis em Ramiro e Everton. Por fim, teve uma tarde muito aquém do que poderia mostrar.

Burse faz todas as trocas rapidamente

João Burse arriscou. Com 15 minutos de segundo tempo já tinha feito todas as trocas autorizadas. Com três novos jogadores em campo, o treinador passou a sofrer momentos de tensão a cada vez que um de seus atletas precisava de atendimento médico, já que poderia ficar com jogadores a menos. 

Renato muda ainda no primeiro tempo

Eram 37 minutos do primeiro tempo e Renato Gaúcho já mexeu no time do Grêmio. Vendo que sua equipe dominava o jogo mas não conseguia infiltrar corretamente, sacou o volante Michel e colocou Alisson. Desta forma, puxou Ramiro para o centro e passou a ter dois extremas rápidos e de capacidade individual


FICHA TÉCNICA
VITÓRIA 0 X 0 GRÊMIO
Data
: 25/11/2018 (Domingo)
Local: estádio Barradão, em Salvador (BA)
Árbitro: Raphael Claus
Auxiliares: Ricardo Simon Manis e Rogério Pablos Zanardo
Cartões amarelos: Willian Farias (VIT); Michel (GRE), Kannemann (GRE), Cícero (GRE), Geromel (GRE), Cortez (GRE); 

VITÓRIA
João Gabriel; Jeferson, Aderllan, Lucas Ribeiro (Bruno) e Benítez (Fabiano); Willian Farias, Léo Gomes (Yago) e Rhayner; Lucas Fernandes, Léo Ceará e Luan.
Técnico: João Burse

GRÊMIO
Paulo Victor; Léo Moura, Geromel, Kannemann e Cortez; Michel (Alisson), Cícero, Ramiro, Jean Pyerre (Thonny Anderson) e Everton; André (Jael).
Técnico: Renato Gaúcho

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos