Topo

Esporte


Paquetá dá adeus e diz: 'Seguirei minha vida com o Flamengo no coração'

Siga o UOL Esporte no

Do UOL, no Rio de Janeiro

01/12/2018 21h05Atualizada em 03/12/2018 12h10

O ponto final da trajetória de Lucas Paquetá no Flamengo não veio com uma vitória, mas a emoção deu o tom da despedida do camisa 11 do clube do coração neste sábado (1º), diante do Atlético-PR.

Já no Hino Nacional, o camisa 11 chorou no gramado do Maracanã. Assim que o juiz apitou o final do jogo, o meia desabou em campo. Foi até os parentes que estavam na arquibancada e fez seu último pronunciamento como atleta do Fla.

"Essa torcida me abraçou desde o início, saio com gratidão eterna. Vou seguir a vida com o Flamengo no coração", disse ao Premiere

Assim como o resto do time, o jogador não teve uma grande atuação contra o Atlético-PR. Após o fim do jogo, Paquetá resumiu seu sentimento: "Vestir essa camisa é uma coisa especial na minha vida, almejei isso desde pequeno".

Rumo ao Milan, Paquetá disse ainda não ter conversado com o técnico da equipe italiana, Gennaro Gattuso. No entanto, em entrevista ao SporTV, afirmou que já bateu um papo com Leonardo, diretor esportivo da equipe italiana "para chegar, me adaptar".

Com a preferência para atuar pela meia-esquerda, Paquetá se colocou à disposição para jogar em diversas posições: "Vou tentar meu melhor, como sempre fiz aqui pelo Flamengo".

Mais Esporte