UOL Esporte Futebol
 
25/05/2010 - 23h42

Gral marca dois de pênalti, Bahia goleia o Vila Nova fora e é o novo líder

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Com fáceis 4 a 0 sobre o Vila Nova em Goiânia nesta terça-feira, o Bahia assumiu a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro, com 10 pontos em quatro partidas. Rodrigo Gral, com dois gols de pênalti, foi o artilheiro do jogo. Ávine e Ananias completaram o placar.

Desde os 20min do primeiro tempo, quando já estava 1 a 0 para o Bahia, o Vila Nova já era muito vaiado pela sua própria torcida no Serra Dourada. Entre os diversos gritos de ordem, diversos pedidos pela saída do técnico Edson Gaúcho, que escalou o time no 4-3-3, visando jogar ofensivamente e acabou vendo o Bahia dominar o meio-campo e construir o resultado com extrema facilidade. Ao fim do jogo, o treinador deixou o campo de cabeça baixa, ouvindo gritos de "burro, burro", dos poucos torcedores que esperam no estádio até o apito final.

Com apenas três pontos (da vitória em casa sobre o Icasa, quando o adversário também jogou melhor), o Vila Nova vive uma forte crise interna, que só deve piorar até o próximo jogo do time, na sexta-feira, contra o Paraná, em Curitiba. A equipe goiana é apenas a 16ª colocada, beirando a zona de rebaixamento.

De bem com a torcida e com um futebol vistoso graças principalmente ao jovem meio-campo formado por Marcone, Bruno Silva, Ananias e Vander, o Bahia abriu o placar em Goiânia logo com 9min. Ananias foi deslocado na área por Junior Paulista. Pênalti que Rodrigo Gral bateu no estilo Zidane, esperando a queda do goleiro para dar uma deixadinha no meio.

O Vila até tentou reagir, mas só levava um mínimo de perigo em chutes de fora. Para piorar, o jovem zagueiro Anderson Melo mostrou imaturidade e foi expulso. Primeiro ele fez uma falta dura, na lateral, em Vander, um carrinho desleal por trás. Saiu só com amarelo. Pouco depois, fez linda jogada no ataque, deu um drible por baixo das pernas do marcador, tabelou e entrou na área. Ao ser desarmado, se jogou escandalosamente. O juiz viu, deu o segundo amarelo e Anderson Melo foi mais cedo para o chuveiro.

Com um jogador a mais ficou ainda mais fácil para o Bahia, que, controlando o jogo, foi ampliando o marcador com tranquilidade. Aos 12min do segundo tempo, Vander pedalou na entrada da área pela esquerda, viu Weverton adiantado, e colocou a bola no ângulo esquerdo do goleiro. Golaço.

Aos 26min, Rogerinho dividiu a bola na área com Weverton, que chegou duro e derrubou o atacante do Bahia, pegando antes a bola. Wagner Reway deu pênalti, que Rodrigo Gral bateu desta vez com força, rasteiro no canto esquerdo. Dois minutos depois, o artilheiro do jogo desceu pela direita sozinho e rolou no meio para Ananias só empurrar para as redes.

O Bahia volta a jogar no sábado, às 16h10, quando encara o Sport no estádio do Pituaçu, na capital baiana.

 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host