UOL Esporte Futebol
 
LUNAÉ PARRACHO/AGÊNCIA A TARDE/AE

De joelhos, Jael comemora seu gol na vitória do Bahia sobre o Paraná Clube

10/08/2010 - 23h52

Na despedida de Renato Gaúcho, Bahia bate Paraná e se aproxima do G-4

Do UOL Esporte
Em Curitiba

Na despedida do técnico Renato Gaúcho, o Bahia obteve sua segunda vitória seguida na Série B, ao derrotar o Paraná por 2 a 1, nesta terça-feira, no estádio de Pituaçu. A vitória aproximou o time baiano do G-4 da competição. Com 23 pontos, é o sexto colocado. Já os paranistas perderam mais duas posições e terminaram a 13ª rodada na 10ª colocação, com 19 pontos.

Os gols do Bahia foram marcados por Morais e Jael, um em cada tempo. O Paraná diminuiu com Alessandro Lopes, na segunda etapa.

Foi o último jogo dirigido pelo técnico Renato Gaúcho, no tricolor baiano. Ele deixa o clube para assumir o Grêmio, em substituição a Silas, demitido após a derrota para o Fluminense, no domingo.

Os dois times voltam a jogar no próximo fim de semana. O Bahia viaja para Joinville, onde enfrenta o Coritiba, no sábado, às 16h10. O Paraná, enfrenta o América-MG, em Sete Lagoas, também no próximo sábado.

O jogo

Após um começo um pouco inseguro, com muitos erros de passe, o Bahia se acertou e abriu o placar, aos 21 minutos, em bonita jogada, concluída por Morais, que acertou um belo voleio, sem defesa para Juninho.

O Paraná tentou se soltar em busca do empate, mas o time baiano, com boa marcação, neutralizou os paranistas e passou a levar perigo nos contra-ataques. Aos 33 minutos, Ávine teve a chance de ampliar, mas, de frente para Juninho, permitiu a defesa do goleiro.

Na segunda etapa, o Paraná insistia em jogadas aéreas e facilitava o trabalho da defesa do Bahia, que ampliou aos 14 minutos, em pênalti cometido por Alessandro Lopes em Jael. O próprio Jael cobrou e fez o segundo do time da casa.

A reação do Paraná, porém, foi rápida. Dois minutos depois, Alessandro Lopes aproveitou um cruzamento e cabeceou para diminuir. A bola ainda bateu no travessão, antes de entrar.

O time paranaense, mais na vontade que na técnica, buscou o empate e chegou a pressionar nos minutos finais, mas não conseguiu reverter a segunda derrota seguida na competição.

BAHIA 2 X 1 PARANÁ

Bahia
Renê; Fábio Bahia, Alison, Vagner e Ávine; Marcone, Bruno Octávio (Vander), Hélder e Morais; Rodrigo Grahl (Aleílson) e Jael (Adriano).
Técnico: Renato Gaúcho

Paraná
Juninho; Alessandro Lopes (Serginho), Irineu e Luiz Henrique; Jefferson; Chicão, Diogo, Vinícius (Walderi) e Gilson; Marcelo Toscano e Leandro Bocão (Somália).
Técnico: Marcelo Oliveira.

Local: Estádio de Pituaçu, em Salvador-BA
Data: 10/08/2010
Árbitro: Fabricio Neves Correa (RS)
Assistentes
: José Eduardo Calza (RS) e Alexandre Antônio Prunelli Kleiniche (RS)
Cartões amarelos
: Leandro Bocão, Alessandro Lopes, Vinícius, Marcelo Toscano (Paraná); Alison (Bahia)

Gols: Morais, aos 21 min do primeiro tempo; Jael, aos 14min, Alessandro Lopes, aos 16min do segundo tempo.

 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host