UOL Esporte Futebol
 
10/08/2010 - 23h00

São Caetano vence, ingressa no G-4 e encerra série invicta do Coritiba

Do UOL Esporte
Em Curitiba

Comprovando que é mesmo um uma pedra no sapato do Coritiba, o São Caetano venceu por 2 a 1, nesta terça-feira, na Arena Joinville, pondo fim a uma invencibilidade de 11 jogos time alviverde na Série B. Com o resultado, o time do ABC ampliou sua vantagem sobre os paranaense, para os quais não perde há dez jogos, desde 2004.

Apesar do revés, o Coritiba manteve a liderança do campeonato, com 27 pontos, favorecido pela derrota do Figueirense para o Sport, por 2 a 1. Na próxima rodada, o time volta a jogar em Joinville, diante do Bahia, sábado, às 16h10.

O São Caetano, por sua vez, subiu duas posições e ingressou no G-4, assumindo a quarta posição, com 24 pontos. Na próxima rodada, na próxima sexta-feira, a equipe recebe o Icasa, no Anacleto Campanella.

O jogo

O Coritiba começou melhor a partida e chegou a criar duas chances seguidas. Na primeira, aos 7 minutos, Rafinha aproveitou uma sobra na área e cabeceou na trave. Aos 11 minutos, Marcos Aurélio finalizou de primeira, após um cruzamento, rente à trave esquerda.

O São Caetano explorava bem os contra-ataques e chegou ao primeiro gol, aos 24 minutos. O time coxa-branca cedeu um escanteio, pela direita. Após a cobrança, Marcelo Batatais desviou e Eduardo, na pequena área, empurrou para o gol.

O segundo gol do time do ABC saiu aos 46 minutos, num pênalti polêmico. Fernandes recebeu lançamento, pela esquerda, mas a assistente marcou impedimento de Eduardo, que penetrava pelo meio. Alício Pena Júnior, no entanto, mandou a jogada seguir e Pereira acabou derrubado Eduardo.

Após consultar a assistente, o árbitro confirmou a penalidade máxima e expulsou o zagueiro Pereira. Eduardo cobrou no canto direito e ampliou para São Caetano.

Mesmo com um homem a menos, o Coritiba voltou pressionando no segundo tempo, mas o São Caetano era mais perigoso. Explorando os contra-ataques, o time paulista teve duas boas chances para ampliar. Aos 7 minutos, Fernandes bateu da esquerda, Edson Bastos deu rebote e Eduardo não completou, com o gol vazio. Em novo rebote do goleiro coxa, aos 15 minutos, Jeci salvou em cima da linha, antes da chegada de Everton Ribeiro.

O Coritiba renasceu na partida, aos 29 minutos, quando Marcos Aurélio diminuiu cobrando uma falta próxima da área. Com categoria, o meia-atacante acertou o ângulo direito. Aos 34, o time alviverde só não empatou graças a uma defesa milagrosa de Luiz. Enrico apanhou rebote na área e bateu no alto. O goleiro, de forma sensacional, desviou para escanteio e garantiu a vitória.

CORITIBA 1 X 2 SÃO CAETANO

Coritiba
Edson Bastos; Fabinho Capixaba, Jeci, Pereira e Lucas Mendes (Sandro); Donizete (Denis) (Enrico), Marcos Paulo, Rafinha e Ramon; Dudu e Marcos Aurélio
Técnico: Ney Franco

São Caetano
Luiz; Artur, Marcelo Batatais, Anderson Marques e Bruno Recife; Augusto Recife Jairo), Moradei, Éverton Ribeiro (Luciano Henrique), Kleber e Fernandes; Eduardo (Wellington).
Técnico: Sérgio Guedes.

Data: 10/08/2010 (terça-feira)
Local
: Estádio Arena Joinville, em Santa Catarina
Árbitro: Alício Pena Júnior (MG)
Assistentes: Ines Back (SC) e Nadine Schram Camara Bastos (SC)
Cartões amarelos: Donizete (Coritiba); Eduardo, Bruno, Everton Ribeiro  (São Caetano)
Cartão vermelho: Pereira
Gols: Eduardo, aos 24 min e 46 min do primeiro tempo; Marcos Aurélio, aos 29 min do segundo tempo.

 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host