UOL Esporte Futebol
 
06/09/2010 - 16h05

Após queda de rendimento, Gallo projeta returno mais difícil para o Náutico

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Nesta terça-feira tem início o segundo turno da Série B do Campeonato Brasileiro. O Náutico enfrenta o Coritiba, às 21h (de Brasília), na Arena Joinville, em duelo direto por uma vaga no G-4. Preocupado com as oscilações da equipe pernambucana, o técnico Alexandre Gallo projeta muito mais dificuldades nesta metade final da competição.

Com 31 pontos o Náutico é o quinto colocado na Série B do Campeonato Brasileiro, empatado com o Bahia, que fica no G-4, pois leva vantagem no saldo de gols. Já o Coritiba, adversário desta terça-feira, é terceiro colocado, com 33 pontos. Portanto, uma vitória pode fazer os pernambucanos voltarem aos quatro primeiros, ou, no caso de uma derrota, cair para o nono lugar.

“Agosto foi um mês ruim para a gente. O segundo turno será bem mais difícil que o primeiro, pelo menos é o que a gente espera. Vamos continuar lutando muito, nossa equipe é simples e quando se dedicou ao máximo estivemos na frente da competição, ainda estamos na frente, pois os oito primeiros colocados estão muito próximos”, declarou o técnico Alexandre Gallo.

O Náutico é o único clube da Série B que ainda não perdeu jogando como mandante. No estádio dos Aflitos, o time pernambucano venceu seis e empatou quatro. Já atuando como visitante a equipe alvirrubra teve um ótimo início, onde venceu três e perdeu apenas uma. Depois disso, foram cinco derrotas longe de Recife e o técnico Alexandre Gallo cobrou um melhor desempenho jogando fora neste segundo turdo.

“Nós precisamos tentar manter essa invencibilidade, não pensar nela, deixar acontecer naturalmente. Temos que ser uma equipe muito forte em casa e melhorar nosso desempenho fora, como fomos no início da competição, onde vencemos times importantes como o Figueirense, o América-MG e o próprio Duque de Caxias. Esses pontos foram importantes para nos sustentar na parte de cima, mesmo com esse ritmo de derrotas agora”, explicou.

Para a partida desta terça-feira o técnico Alexandre Gallo não poderá contar com o volante Rodrigo Pontes, que pertence ao Coritiba, e com o meia Francismar, suspenso. Já o atacante Geílson e o lateral esquerdo Zé Carlos se recuperam de lesões e ainda são dúvidas. Já o zagueiro Wescley e volante Élton foram liberados pelo departamento médico e podem reaparecer no time titular, que será definido após o trabalho desta tarde, no centro de treinamento do Atlético-PR.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host