UOL Esporte Futebol
 
10/09/2010 - 22h55

ASA aproveita falhas do Bragantino, vence em Arapiraca e 'respira' na tabela

Do UOL Esporte
Em São Paulo

O ASA contou com dois belos gols de fora da área – apesar das falhas do goleiro Gilvan – para superar o Bragantino por 2 a 0 nesta sexta-feira, quebrar um jejum de cinco jogos sem vitórias e assim garantir uma ‘folga’ na tabela na luta contra o rebaixamento. Mesma sorte não teve o time de Bragança, que perdeu a segunda seguida e pode terminar a 21ª rodada na zona de descenso.

Com o resultado, o ASA chega aos 26 pontos, abre cinco do Santo André - o primeiro time da zona de rebaixamento - e pula para a 14ª colocação. Já o Bragantino segue com 22 e deixa a situação do técnico Marcelo Veiga ainda mais complicada. "O juiz foi um pouco tendencioso em alguns lances da partida. Mas não podemos justificar só em cima do juiz", analisou Rodriguinho, jogador do Bragantino.

O ASA pressionou o Bragantino desde o apito inicial e fez por merecer o primeiro gol da partida, aos 13min, em uma ‘pintura’ de Márcio. O meio-campista avançou pelo meio e arriscou de fora da área; a bola subiu e acabou encobrindo o goleiro Gilvan, que estava um pouco adiantado. 1 a 0. E o placar poderia ter sido ampliado com o experiente Luís Mario, que invadiu a área sem marcação, mas bateu para fora.

“Apesar de o nosso time não estar muito bem no jogo e o adversário chegar com muito perigo, o gol nos deu uma tranquilidade e jogou a responsabilidade para eles. Um contra-ataque e a gente mata o jogo”, resumiu Márcio. Na segunda etapa, o Bragantino conseguiu balançar as redes, mas o assistente viu impedimento e acabou anulando o gol, fato que revoltou o técnico Marcelo Veiga, expulso após reclamar sobre o lance.

De resto, só deu ASA, e a previsão de Márcio no intervalo, apesar de não ter sido em um contra-ataque, aconteceu. Desta vez, foi Cleiton quem arriscou de fora da área; o chute acabou saindo forte, com muito efeito, mas em cima do goleiro Gilvan, que novamente cometeu uma falha e ‘aceitou’, aos 14min.

Com isso, o ASA fechou-se atrás e tentou explorar os contra-ataques. Mesmo assim, o Bragantino quase chegou a diminuir aos 39min, em chute cruzado de Rodriguinho da entrada da área; Paulo Musse fez ótima defesa e garantiu o resultado para o ASA.

ASA-AL 2 X 0 BRAGANTINO

ASA-AL
Paulo Musse, Sílvio (Cal), Ewerton e Edson Veneno; Marcos Tamandaré, Márcio, Rincon, Didira (Cleiton), Luiz Mário (Anderson), João Victor; Júnior Viçosa
Técnico: Vica

BRAGANTINO
Gilvan; André Astorga, Marcos Aurélio e Everaldo; Júlio César, Luciano Sorriso (Marcelinho), Eder (Diego), Rodriguinho e Nêgo; Léo Jaime e Welton (João Sales)
Técnico: Marcelo Veiga

Data: 10/09/2010 (sexta-feira)
Local: Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca (AL)
Arbitragem: Arilson Bispo da Anunciação (BA)
Auxiliares: Belmiro da Silva (BA) e Adson Marcio Lopes Leal (BA)
Gols: Márcio, aos 13min do primeiro tempo; Cleiton, aos 14min do segundo tempo
Cartões amarelos: Junior Viçosa, Silvio (ASA); Welton, Eder, Nêgo, Leo Jaime (Bragantino)

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host