! Goiás demite Márcio Goiano e anuncia Ademir Fonseca como novo treinador - Futebol - $estacao.titulo

UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/brasileiro/serie-b/ultimas-noticias/2011/09/05/goias-demite-marcio-goiano-e-anuncia-ademir-fonseca-como-novo-treinador.htm
  • Goiás demite Márcio Goiano e anuncia Ademir Fonseca como novo treinador
  • 21/01/2019
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
05/09/2011 - 12h06

Goiás demite Márcio Goiano e anuncia Ademir Fonseca como novo treinador

Do UOL Esporte
No Rio de Janeiro

Márcio Goiano não resistiu as duas derrotas seguidas e foi demitido pelo Goiás na manhã desta segunda-feira. A equipe do Centro-Oeste vive campanha irregular na Série B do Campeonato Brasileiro e na última sexta tinha perdido em casa para o Náutico por 2 a 1. Anteriormente. O time tinha caído diante do Grêmio Barueri (2 a 0).

A diretoria, no entanto, agiu rápido e já confirmou a contratação de Ademir Fonseca. O técnico estava no Fortaleza e pediu para deixar o clube cearense após receber a proposta do Goiás. Ele é aguardado na noite desta segunda e sua apresentação oficial acontecerá na terça-feira. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa do clube esmeraldino.

A tarefa do novo comandante será acertar o Goiás para que a equipe conseguir o acesso para a Série A do Campeonato Brasileiro. No entanto, o time encontra-se na 12ª colocação com 24 pontos e começa a se aproximar da temida zona de rebaixamento.

Márcio Goiano deixou o comando do Goiás com seis vitórias, um empate e quatro derrotas. Quando o técnico assumiu, o time chegou a ter um salto de qualidade e se aproximou do G-4 da Série B. Porém, ele acabou sucumbindo após o time perder duas vezes seguidas.

“Isso são números. Não tem como a gente mentir nem omitir, mas existem outras situações que têm que ser avaliadas também. Então, a gente procurou avaliar em todos os aspectos e concluiu que o trabalho do Marcio é bom, mas também que o grupo já não vem respondendo, e a gente tem que pensar com relação à perspectiva até o final desta Série B, para não perder o timing da situação, que é a busca do acesso", explicou o gestor de futebol, Kléber Guerra.

O novo treinador do Goiás tem 48 anos e passou por diversos clubes do Brasil como Cabofriense, Madureira, Tupi-MG, Volta Redonda, Paysandu e Ituano. Ele tem dois títulos em seu currículo: o Campeonato Paulista (2002) e Campeonato Paraense (2006).

Na manhã desta segunda, o clube também anunciou uma mudança na diretoria. Rodrigo Pastana, que estava na gerência de futebol há apenas um mês, comunicou sua saída alegando problemas particulares.