! Rafael Tolói marca, Goiás vence CRB e acaba com incômodo jejum - Futebol - $estacao.titulo

UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/brasileiro/serie-b/ultimas-noticias/2012/06/01/goias-x-crb.htm
  • Rafael Tolói marca, Goiás vence CRB e acaba com incômodo jejum
  • 14/12/2018
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
01/06/2012 - 22h53

Rafael Tolói marca, Goiás vence CRB e acaba com incômodo jejum

Do UOL, no Rio de Janeiro

O Goiás foi melhor durante boa parte da partida e acabou sendo premiado com a vitória por 1 a 0 nesta sexta-feira, no Serra Dourada, pela quarta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O gol único da partida foi marcado por Rafael Tolói no primeiro tempo. Com o resultado, o time esmeraldino acabou com o incômodo jejum de vitórias.

A equipe não triunfava desde o dia 29 de abril, quando passou pelo Vila Nova, em jogo válido pela semifinal do Campeonato Goiano. O CRB, por outro lado, acumulou a terceira derrota na competição e se aproxima da zona de rebaixamento.

O jogo iniciou com o Goiás tomando a iniciativa e nos primeiros minutos os donos da casa tentavam chegar de forma tímida ao campo do adversário. Com mais posse de bola, o esmeraldino tinha dificuldade para furar o bloqueio do CRB, que atuava fechado em sua defesa.

O Goiás chegava principalmente em lances pelos lados do campo, através de Victor e Egídio. O primeiro, aliás, foi uma das novidades porque Enderson Moreira optou por barrar Peter. Já o CRB, tentava responder em contra-ataques e bolas alçadas sobre a área esmeraldina.

Aos poucos, os visitantes passaram a equilibrar o jogo porque adiantou a sua marcação e obrigou Pedro Henrique a praticar pelo menos duas boas defesas. A mais perigosa aconteceu, aos 28, quando Preto recebeu na frente e finalizou com perigo.

No momento que passou a sofrer pressão e ouvia as primeiras vaias, os jogadores do Goiás responderam com a abertura do placar. Após um bate e rebate na área, Iarley cruzou rasteiro e Rafael Tolói empurrou a bola para a rede, aos 31.

Com a vantagem no placar, o Goiás cresceu no jogo e esteve próximo de ampliar sua vantagem com boas jogadas pelos lados do campo. Aos 35, Egídio cruzou pelo alto e o baixinho Iarley cabeceou próximo ao gol de Anderson. No minuto seguinte, Ramon acertou o travessão após um cruzamento com muito efeito. A equipe alagoana ainda tentou responder nos minutos finais, mas o primeiro tempo acabou mesmo com vitória parcial dos donos da casa.

A segunda etapa iniciou com o Goiás tentando manter o ritmo do primeiro tempo. Mais bem postado, chegou bem ao ataque em pelo menos duas oportunidades na marca dos quinze minutos. Buscando uma melhora de sua equipe, o técnico Roberto Fonseca trocou Elsinho e Paulo Victor por Ricardinho e Carlos Magno, respectivamente. Desta maneira, o CRB abriu mão dos três zagueiros e passou a atuar no 4-4-2.

As mudanças não surtiram efeito porque os donos da casa continuaram pressionando. O lateral esquerdo Egídio aparecia no ataque com muita qualidade. Ricardo Goulart e Ramon estavam atentos e complicavam a vida dos defensores do CRB. Mesmo melhor durante boa parte do segundo tempo, o Goiás não conseguiu marcar mais gols e comemorou a vitória por 1 a 0. No fim, Gercimar discutiu com um companheiro e o time alagoano jogou os minutos finais com um atleta a menos.