Leandrão decide, Vasco chega aos 34 jogos invicto e está a um de recorde

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Carlos Gregório Júnior / Site oficial do Vasco

    Leandrão comemora e é abraçado pelos companheiros de Vasco: ele fez dois gols

    Leandrão comemora e é abraçado pelos companheiros de Vasco: ele fez dois gols

Em noite inspirada de Leandrão, que marcou dois gols, o Vasco venceu o Joinville na casa do adversário por 2 a 0 nesta terça-feira, manteve a liderança isolada da Série B e chegou aos 34 jogos de invencibilidade.

O Cruzmaltino igualou a segunda maior sequência absoluta sem derrota de sua história, que é da equipe da década de 50, e está a uma do recorde, que pertence ao chamado "Expresso da Vitória", obtido entre 1944 e 1945. Levando-se em conta somente jogos oficiais, esta atual já é a principal marca.

Neste sábado, a partida que pode se tornar histórica é contra o vice-líder Atlético-GO, no estádio Kléber Andrade, em Cariacica (ES), às 16h30 (horário de Brasília).

'TÔ AÍ'! LEANDRÃO RETORNA COM TUDO

Carlos Gregório Júnior / Site oficial do Vasco

Em seu primeiro jogo como titular desde que retornou de empréstimo ao Boavista (RJ), Leandrão deu seu recado e fez dois para o Vasco na Arena Joinville (SC). O atacante, que chegou a ter sua permanência indefinida, substituiu Thalles, suspenso, e já colocou uma "pulga atrás da orelha" do técnico Jorginho para as próximas partidas. Este é o seu terceiro tento em 13 partidas com a camisa do clube.

PIKACHU APAGOU

No primeiro tempo, o lateral direito Yago Pikachu recebeu um encontrão e foi à nocaute no gramado. Ele ficou desacordando por alguns segundos, ganhou atendimento médico e em seguida retornou para a partida.

DISTRIBUIU COTOVELADA

Carlos Gregório Júnior / Site oficial do Vasco

O zagueiro Bruno Aguiar, do Joinville, não se preocupou em jogar apenas futebol. No segundo tempo, ele desferiu duas cotoveladas. Uma na nuca de Leandrão e outra no rosto de Nenê. Ele não foi punido em nenhum dos dois lances.

PARABÉNS PRA VOCÊ!

Completando 72 anos nesta terça-feira, o presidente do Vasco, Eurico Miranda, foi homenageado pelos torcedores cruzmaltinos presentes à Arena Joinville (SC). Antes e após o jogo, um "parabéns pra você" foi cantado na arquibancada e o dirigente acenou.

VASCAÍNOS EM PESO

Carlos Gregório Júnior / Site oficial do Vasco

Mesmo a quilômetros de distância do Rio de Janeiro, os vascaínos compareceram em grande número ao jogo no interior catarinense. Por conta da presença maciça, a polícia militar precisou aumentar o espaço destinado aos visitantes no decorrer da partida.


JOINVILLE 0 X 2 VASCO
Local:
Arena Joinville, Joinville (SC)
Data e hora: 7 de junho de 2016, às 21h30
Árbitro: Jaílson Macedo Freitas (BA)
Auxiliares:  José Carlos Oliveira dos Santos (BA) e Vitor Carmona Metestaine (SP)
Renda e público:  R$ 225.140,00 / 8.794 pagantes
Cartões amarelos: Everton Silva (JEC); Nenê (VAS)
Cartões vermelhos: Nenhum
Gols: Leandrão, aos 22 minutos do primeiro tempo (VAS); Leandrão, aos 27 minutos do segundo tempo (VAS)

JOINVILLE
Oliveira, Everton Silva, Ligger, Bruno Aguiar e Diego; Paulinho Dias, Naldo, Pereira e Carlos Alberto (Juninho); Cléo Silva e Heliardo (Fernando Viana)
Técnico: Hemerson Maria

VASCO
Jordi, Yago Pikachu, Luan, Rodrigo e Julio Cesar; Marcelo Mattos, William, Andrezinho (Diguinho) e Nenê (Eder Luis); Jorge Henrique (Evander) e Leandrão
Técnico: Jorginho
 

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos