Vasco falha feio na defesa, perde no ES e deixa escapar recorde histórico

Do UOL, em São Paulo

  • Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

    Vasco acertou duas bolas na trave na etapa final, mas não conseguiu o empate

    Vasco acertou duas bolas na trave na etapa final, mas não conseguiu o empate

Sem Nenê, seu principal jogador e artilheiro, a vida do Vasco na tarde deste sábado já não estava muito fácil. Para piorar, a defesa cruzmaltina resolveu abusar dos erros defensivos. Foram duas falhas feias (de Jordi e Rodrigo), que resultaram na primeira derrota do Vasco após quase oito meses: 2 a 1 para o Atlético-GO, no estádio Kléber Andrade, pela oitava rodada da Série B.

A última derrota do Vasco havia acontecido no dia 1º de novembro do ano passado, para o rival Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro 2015. Caso tivesse ao menos empatado, o time de Jorginho alcançaria 35 jogos sem derrotas - número obtido que equipe de 1944 e 1945 - e assim igualaria a maior sequência de invencibilidade absoluta de sua história.

Além do recorde não alcançado, o Vasco ainda vê o próprio Atlético-GO alcançá-lo na tabela – ambos agora somam 19 pontos. O time carioca, porém, ainda segue na liderança por conta do saldo de gols (10 a 5).

Com Nenê de volta, o Vasco retorna aos gramados já na terça-feira para encarar o Náutico, em São Januário, às 19h15 (de Brasília). O Atlético-GO entra em campo no mesmo dia e horário: visita o Joinville na Arena Joinville.

Quem foi bem: Júnior Viçosa decisivo no Atlético-GO

Perdeu um gol feito na etapa inicial, mas depois se redimiu. Com ótima presença de área, o atacante fez no susto o primeiro gol da partida e depois participou diretamente do gol da vitória do Atlético-GO, já no segundo tempo. Sua atuação só foi prejudicada pela expulsão no fim do segundo tempo, após receber segundo amarelo após voltar a campo sem autorização do árbitro.

Quem foi mal: Rodrigo e Jordi 'entregam' derrota

O que é isso, Rodrigo? Parte I

Se por um lado o meio-campo e o ataque do Vasco encontravam dificuldades para criar alguma situação de gol, o setor defensivo cruzmaltino, a partir dos 20 min do primeiro tempo, pareceu sofrer uma pane. Primeiro, foi Rodrigo que proporcionou uma cena até inexplicável. Após lançamento do Atlético-GO, ele e Júnior Viçosa começaram a apostar corrida em direção à área vascaína. Mesmo sem impedimento no lance, o zagueiro parou de acompanhar o atacante, que só não abriu o placar porque tirou demais de Jordi e chutou para fora.

O que é isso, Jordi?

Três minutos depois de Rodrigo 'dormir' no primeiro tempo, foi a vez de Jordi falhar feio. E o erro custou caro. Após cruzamento para a área, o goleiro vascaíno - em um lance que, teoricamente, não lhe daria trabalho – saiu muito mal e chutou a bola em cima de Júnior Viçosa, que no susto acabou mandando para as redes e abrindo o placar em Cariacica (ES).

O que é isso, Rodrigo? Parte II

O gol da vitória do Atlético-GO saiu depois de uma falha feia de Rodrigo, aos 7min do segundo tempo. Após cruzamento da direita, ele furou e a bola sobrou dentro da área para Viçosa, que chutou; Jordi fez boa defesa, mas no rebote William apenas o trabalho de empurrar a bola para as redes e garantir a vitória do time goiano.

Substituto de Nenê, Pikachu sai no intervalo

O escolhido do técnico Jorginho para (ao menos tentar) substituir Nenê foi Yago Pikachu. Com a camisa 10, porém, o jogador teve uma atuação bastante apagada. Correu bastante, aparecendo bastante pela direita, por onde está acostumado, mas não conseguiu ajudar o Vasco a criar jogadas de perigo, como faz Nenê. Foi substituído já no intervalo – Éder Luís entrou em seu lugar e também não foi bem.

Zagueiro artilheiro do Vasco aparece de novo

Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br
Luan marcou o único gol do Vasco na derrota para o Atlético-GO

Sem conseguir criar, a principal arma do Vasco passou a ser a bola parada. E foi desta forma que o time cruzmaltino chegou ao empate de 1 a 1. Júlio César cobrou falta na área, Marcos saiu mal e, no rebote, Luan chutou no cantinho e fez o gol – a bola ainda bateu na trave antes de entrar. Foi o terceiro gol do zagueiro na Série B, o que o deixou na vice-artilharia do time da competição nacional – atrás apenas de Nenê, que soma oito.

Técnico do Atlético-GO reclama de falta e é expulso

O técnico Marcelo Cabo foi expulso pelo quarto árbitro ainda no primeiro tempo. A revolta do treinador aconteceu no lance que originou o gol do Vasco. Para ele, o jogador vascaíno não sofreu falta. "Eu fui falar que não foi falta e ele me expulsou. Ele não está preparado para um jogo dessa grandeza", disse o técnico, que ainda chamou o quarto árbitro de 'covarde'.

'Nenêdependêcia'? Números dizem que sim

Desde sua estreia no Vasco, em agosto de 2015, esta foi a terceira partida que Nenê desfalcou o Vasco. E em nenhuma delas o time cruzmaltino conseguiu sair vitorioso. Além da derrota deste sábado, o Vasco empatou com o São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro do ano passado, e empatou com o Friburguense, pelo Campeonato Carioca deste ano.

Blog do Juca Kfouri: 34 jogos depois, o Vasco perdeu

 
"O goleiro Jordi e o zagueiro Rodrigo falharam feio, Nenê não estava em campo e, em Cariacica, o Vasco foi derrotado por 2 a 1 pelo Atlético Goianiense, com quem agora divide a liderança da Série B." Leia na íntegra aqui.

ATLÉTICO-GO 2 X 1 VASCO 

Local: Kléber Andrade, em Cariacica (ES) 
Data: 11/6/2016 (sábado)
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP)
Auxiliares: Tatiane Sacilotti Camargo (SP) e Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP) 
Cartões amarelos: Gilsinho, Bruno Barra, Jorginho e Júnior Viçosa (ATL); Madson (VAS)
Cartão vermelho: Júnior Viçosa (ATL) 
Gols: Júnior Viçosa, aos 23min, Luan, aos 39min do primeiro tempo; William Schuster, aos 7min do segundo tempo

ATLÉTICO-GO
Marcão; Matheus Ribeiro, Marllon, Lino e Michel; Bruno Barra, Pedro Bambu, Magno (Jorginho) e William Schuster (Ricardo Silva); Gilsinho (Luiz Fernando) e Júnior Viçosa
Técnico: Marcelo Cabo

VASCO
Jordi; Madson, Rodrigo, Luan e Julio Cesar; Marcelo Mattos (Evander), Willian, Andrezinho e Yago Pikachu (Eder Luis); Jorge Henrique e Leandrão (Thalles)
Técnico: Jorginho

UOL Cursos Online

Todos os cursos