Em crise, Vasco encara Oeste em 100º jogo da equipe na Série B

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Paulo Fernandes/Vasco/divulgação

O Vasco alcança neste sábado, às 16h30, uma marca da qual muito tem a se envergonhar. Diante do Oeste, em São Januário, a equipe chega ao centésimo jogo na Série B, acumulando participações em 2009, 2014 e, agora, 2016. Para tornar o momento ainda mais delicado, o Cruzmaltino chega ao duelo vivendo uma verdadeira crise: são seis jogos sem vitórias, com direito a liderança ameaçada.

Na realidade, o Vasco já perdeu a liderança após a vitória do Atlético-GO diante da Luverdense na abertura da 24ª rodada da Série B. Para retomar a ponta, o Cruzmaltino precisa de um simples empate, o que seria trágico dada a atual situação dos cariocas. O técnico Jorginho deu a dica de como os jogadores precisam atravessar pelo inédito momento em 2016.

"Com naturalidade. A vida é feita de desafio, de lutas. Ninguém consegue crescer se não tiver dificuldades. Nossa vida depende de vitórias. Não tem nenhum clube que está perdendo que a coisa está bem. A não ser o Íbis (risos). No momento que a equipe teve a queda de rendimento, é natural que aconteça a pressão. Toda pessoa pública está sujeita a ter um momento de grande glória, mas também de grandes críticas", disse o técnico do Vasco.

Para a partida deste sábado, o Vasco deverá estrear uma nova formação, mais ofensiva. Serão três atacantes: Jorge Henrique, Ederson e Júnior Dutra. Não com três volantes, mas com um deles no lugar de um volante. Quem deixa a equipe é Marcelo Mattos. Assim, Douglas fará dupla com Andrezinho, que será recuado e improvisado.

Jorginho rasgou elogios a Júnior Dutra, novo titular do Vasco. "Trabalhou comigo um ano no Kashima, fomos campeões lá. É muito veloz, tem a facilidade de jogar em algumas funções. Tem uma característica diferente. Com certeza é um jogador que vem a acrescentar muito no nosso grupo", finalizou o treinador do Cruzmaltino.

VASCO X OESTE

Dara e hora: 10/09/2016, às 16h30 (horário de Brasília)
Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
Auxiliares: Paulo de Tarso Bregalda Gussen e Carlos Eduardo Bregalda Gussen (BA)

Vasco
Martín Silva, Yago Pikachu, Luan, Rodrigo e Julio Cesar; Douglas e Andrezinho; Junior Dutra, Nenê e Jorge Henrique; Éderson
Técnico: Jorginho

Oeste
Felipe Alves; Felipe Rodrigues, Bruno Silva e Francis; Daniel Simões, Francisco Alex, Matheus Vargas, Rodolfo e Léo Arthur; Crysan e Marquinho
Técnico: Fernando Diniz

UOL Cursos Online

Todos os cursos