Jorginho tem opções de mudanças em sequência que pode reanimar Vasco

Do UOL, em São Paulo

  • Carlos Gregório Jr./Vasco

Apesar do Vasco estar em má fase na Série B, a torcida tem um motivo para se animar: a sequência dos próximos jogos é positiva, pois o time enfrentará equipes que provavelmente terão poucas pretensões na competição. Porém, para conseguir as vitórias nessas partidas, o técnico Jorginho provavelmente fará mudanças no time titular e é possível apontar quais jogadores vão receber mais chances.

O próximo jogo do Vasco será nesta terça-feira, contra o Luverdense. O time contará com o apoio da torcida em São Januário e enfrentará uma equipe que está em 9º lugar, seis pontos distante do G4. Depois, no sábado, o Vasco enfrentará o Bragantino, que não vence há três jogos e está em péssima situação na zona de rebaixamento, cinco pontos atrás do Oeste, primeiro time fora da degola. Por fim, o Vasco enfrentará mais duas equipes que estão longe da briga pelo G4: Ceará, que hoje tem 50 pontos e está em 8º; e Criciúma, que hoje tem 47 e é o 11º colocado.

O otimismo fica ainda maior porque os principais adversários do Vasco na briga pelo acesso terão adversários mais duros. O Avaí, por exemplo, fará confrontos diretos contra Náutico (em casa) e Londrina (fora de casa), times que estão a dois pontos do G4. O Bahia enfrentará o líder da série B, Atlético-GO (fora de casa).

Parece uma sequência positiva, mas o Vasco precisa fazer sua parte e para isso precisará de mudanças. Até Jorginho já admitiu, após a derrota para o Brasil-RS, que alguns atletas estão em má fase: "tivemos a queda de rendimento de alguns jogadores e com isso queda na equipe de forma geral".

O elenco do Vasco não permite grandes melhorias, mas existem alguns jogadores que estão rendendo mal como titulares e outros que podem melhorar a equipe se tiverem mais oportunidades. A defesa, apesar de ser uma das piores entre os dez primeiros colocados, deve ter poucas mudanças. Uma possibilidade pedida por parte da torcida é a entrada de Yago Pikachu na vaga de Madson.

No meio-campo quem corre risco de perder espaço é William, que foi titular nos jogos mais recentes, mas nem sempre foi bem. Se Jorginho resolver tirá-lo, as principais opções no elenco são Diguinho e Marcelo Mattos.

A mudança mais provável é no ataque, que era o ponto forte do Vasco na Série B, mas caiu de produção – não faz dois gols em um jogo desde 24 de setembro. O técnico Jorginho já deu chances para Jorge Henrique e Júnior Dutra jogarem com o trio titular absoluto, formado por Andrezinho, Nenê e Éderson, mas eles não foram regulares. Agora a oportunidade pode aparecer para Thalles, que inclusive fez um gol na vitória mais recente do time, contra o Paraná.

Quer receber notícias do Vasco de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Quer receber notícias do Santos de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

 

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos