Estrangeiros brilham e Inter faz 3 a 0 no Londrina na estreia da Série B

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/SC Internacional

    Nico López e D'Alessandro (centro) marcaram os gols do Inter diante do Londrina

    Nico López e D'Alessandro (centro) marcaram os gols do Inter diante do Londrina

O Internacional começou a Série B do Brasileirão com vitória. Neste sábado (13), o Colorado aplicou 3 a 0 em cima do Londrina, no estádio do Café. A atuação teve a marca dos estrangeiros: D'Alessandro e Nico López, duas vezes, balançaram as redes. Felipe Gutiérrez deu assistência.

A jornada do Inter por um caminho desconhecido iniciou sem sustos. Ainda no primeiro tempo, o time gaúcho tomou conta do duelo e abriu 2 a 0. Na etapa final criou mais chances e podia ter transformado a estreia em goleada retumbante.

Na próxima quarta-feira, o Internacional vai a São Paulo e enfrenta o Palmeiras no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. No sábado, o Colorado recebe o ABC às 19h (Brasília) pela segunda rodada da Série B.

Quem decidiu: trio de gringos

D'Alessandro fez de pênalti, Nico López esbanjou técnica em dois chutes rasteiros fortes e Felipe Gutiérrez deu assistência. Os estrangeiros tomaram conta e foram as melhores notícias do Internacional na arrancada da segunda divisão.

Quem foi mal: William

Lateral direito bem que tentou apoiar, mas errou em vários fundamentos ao cruzar o meio-campo. O Inter sacou rápido e passou a investir mais pelo lado esquerdo, como já virou rotina na temporada. Apesar das oscilações, o camisa 34 não comprometeu.

Cirino estreia e agrada

Um dos últimos reforços contratados pelo Inter, Marcelo Cirino debutou com boa atuação. Aberto pelo lado esquerdo, o camisa 77 ajudou a dar profundidade e serviu de apoio para Uendel. Com dribles, finalizações e atacando bem os espaços, o atacante arrancou bem.

Inter explora os lados e domina

Mesmo com menos posse de bola, o Colorado controlou a partida no primeiro tempo e explorou os lados do campo para chegar ao ataque. O pênalti, bem marcado após França se jogar na bola e bloquear chute de Marcelo Cirino, contribuiu. Com a vantagem, o Colorado conseguiu se expor menos e esperar por mais espaços. Nico López ampliou e deixou o cenário confortável.

No segundo tempo, o Inter avançou suas linhas e empilhou chances de gol. Nico López ampliou com míseros 4 minutos depois de bom lançamento de Gutiérrez, Cirino e Uendel tiveram ótimas oportunidades na sequência. E atrás, o Colorado só foi acossado em bolas paradas e sem grande risco. O domínio foi confirmado cedo e não houve sequer pressão final pelo desconto.

'Nada Vai Nos Separar'

A primeira partida da história do clube fora da elite do futebol brasileiro não passou em branco. Com cerca de mil torcedores no estádio do Café, o Inter também lançou uma novidade: a frase clássica entoada pelos colorados foi aplicada na camisa. Logo abaixo do escudo. A iniciativa será mantida na próxima partida da Série B.

É Série B

O gramado do estádio do Café, com falhas, não foi o único obstáculo para o ritmo do jogo. Só no primeiro tempo, o duelo entre Londrina e Internacional teve 30 faltas marcadas. Dez após entradas do time da casa e 20 depois de lances protagonizados pelo Colorado. Todas as intervenções da arbitragem deixaram a partida menos fluída.

Zago aposta em Fabinho

Antonio Carlos Zago manteve o 4-4-2 com losango no meio-campo, que se desmembra em 4-3-2-1 mesmo sem Edenílson. Na vaga do ex-jogador do Corinthians, Fabinho foi escalado. No segundo tempo, Zago fez as três trocas. Cirino foi o primeiro a sair, para entrada de Diego. Depois, Nico López deu lugar a Carlos e por fim Uendel foi sucedido por Iago.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA 0 X 3 INTERNACIONAL

Data e hora: 13/05/2017 (Sábado) às 16h30 (Brasília)
Local: estádio do Café, em Londrina (PR)
Público: 6.828 pessoas (6.139 pagantes)
Renda: R$ 199.320,00
Árbitro: João Batista Arruda (RJ)
Auxiliares: Luiz Antonio de Oliveira e Thiago Herique Farinha (ambos do RJ)
Cartões amarelos: Lucas Ramon (LON); Fabinho, D'Alessandro (INT)
Gols: D'Alessandro, aos 19 minutos do primeiro tempo (INT); Nico López, aos 37 minutos do primeiro tempo e aos 4 minuto do segundo tempo (INT)

LONDRINA: Zé Carlos; Lucas Ramon, Silvio, Matheus e Ayrton; França (Robinho), Jardel, Celsinho (Romulo) e Fabinho (Marcinho); Artur e Jonatas Belusso
Técnico: Claudio Tencati

INTERNACIONAL: Daniel; William, Léo Ortiz, Victor Cuesta e Uendel (Iago); Rodrigo Dourado, Fabinho, Felipe Gutiérrez e D'Alessandro; Marcelo Cirino (Diego) Nico López (Carlos)
Técnico: Antonio Carlos Zago

UOL Cursos Online

Todos os cursos