Súmula de Ceará x Inter não relata acusação de racismo contra Cuesta

Do UOL, em Porto Alegre

A súmula da partida entre Ceará e Internacional, divulgada no início da tarde desta quarta-feira (12) através do site oficial da CBF, não relata a acusação do atacante Elton, do time nordestino, contra o zagueiro Cuesta, da equipe gaúcha. O centroavante acusa o argentino de tê-lo chamado de 'macaco'. 

O suposto ato de injúria racial gerou protesto do atleta. Depois da partida, em entrevista coletiva, ele foi bem claro ao afirmar que o zagueiro do Colorado usou xingamentos racistas em discussão próxima aos 35 minutos da etapa final. Ambos levaram cartão amarelo. 

Em súmula, os cartões são justificados por 'trocar empurrões com adversário'. Sem relatos sobre qualquer acusação do jogador do Ceará. 

Imagens de televisão da transmissão da partida mostram o momento em que o jogador alvinegro vai até o árbitro Leandro Bizzio Marinho, aponta para Cuesta e gesticula o acusando do xingamento. 

Elton avalia junto ao departamento jurídico do Ceará prestar queixa contra o jogador do Inter por injúria racial. Caso opte por fazer o Boletim de Ocorrência, o mesmo deve ser registrado nesta tarde. 

Cuesta não se manifestou. Coube ao vice de futebol do Inter, Roberto Mello, dizer que o jogador relatou ter discutido com o adversário, mas não ter usado tais termos. 

Em campo, o Internacional bateu o Ceará por 2 a 0 no estádio Castelão e assumiu o 5º lugar da Série B do Brasileiro com 21 pontos. 

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos