Ambulância demora para levar atleta ao hospital e cria polêmica na Série B

Do UOL, em São Paulo

O lateral Igor, do Paraná Clube, ficou desacordado após receber um chute na cabeça durante partida da Série B do Campeonato Brasileiro. Ele recuperou a consciência e foi levado ao hospital, mas só depois de muita demora para a ambulância deixar o Estádio Municipal de Varginha.

A rádio Banda B chegou a informar que a ambulância demorou para sair do local pois os funcionários não conseguiam encontrar a chave do portão que leva à rua. Por outro lado, a transmissão da TV Globo informou que o veículo não saiu antes pois Igor estava sendo medicado ali mesmo.

Em casos deste tipo, que envolvam algum tipo de choque na cabeça, o atleta geralmente é encaminhado a um hospital próximo o mais rápido possível o que não aconteceu. A atenção dada a Igor não foi lá das melhores desde o choque: o árbitro, por exemplo, demorou 13 segundos para interromper o jogo após o lateral cair no gramado.

Após tanta indefinição, Igor foi ao hospital consciente e, de acordo com o Paraná, deve passar por exames para saber se tem algum tipo de lesão.

O lance aconteceu na partida entre Boa Esporte e Paraná, válida pela 19ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O time mineiro vencia por 1 a 0 quando, aos 27 minutos, o zagueiro paranista Eduardo Brock acertou um chute em Igor. A partida ficou paralisada por mais de 40 minutos enquanto não chegava outra ambulância no estádio.

UOL Cursos Online

Todos os cursos