Greve em aeroporto atrasa retorno de substituto de D'Ale ao Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ale Cabral/AGIF

    Felipe Gutiérrez não conseguiu voltar para trabalhar nesta quarta-feira ao Inter

    Felipe Gutiérrez não conseguiu voltar para trabalhar nesta quarta-feira ao Inter

Uma greve no aeroporto de Bueno Aires atrasou os planos do Inter de contar com o chileno Felipe Gutiérrez no treinamento desta quarta-feira (06). O jogador é aguardado para quinta e tem chances de estar em campo contra o Juventude no sábado.

Como D'Alessandro ainda não treinou no campo depois de sofrer um edema muscular na coxa direita no jogo-treino diante do Cruzeiro-RS, no sábado, Gutiérrez seria o primeiro suplente.

Convocado para a seleção chilena, ele esteve no banco de reservas nos confrontos com Paraguai e Bolívia. Retornaria no início da tarde desta quarta ao Brasil e poderia trabalhar com o restante do elenco no CT Parque Gigante, mas uma greve atrapalhou.

Ele deixou Santiago, no Chile, perto das 7h (de Brasília). Chegaria em Porto Alegre perto do meio-dia. Porém, uma greve de aeroportuários na escala em Buenos Aires gerou cancelamento do voo. É possível que ele tenha que ir até São Paulo e chegue à capital gaúcha durante a noite.

Até agora, os treinamentos mostraram chance de Juan atuar no meio-campo. Mossoró, que também disputaria a vaga, foi com o time Sub-23 para Argentina, onde serão disputados três amistosos.

Gutiérrez poderá, se conseguir cumprir o programado, participar das atividades a partir desta quinta. Além de D'Ale, que deve ficar fora, Rodrigo Dourado, suspenso, também é baixa. Charles entra no setor.

Líder da Série B com 42 pontos, o Inter encara o Juventude no sábado às 16h30 (de Brasília) no estádio Alfredo Jaconi.

UOL Cursos Online

Todos os cursos