Alemão volta mais defensivo e quer simplificar para compensar tempo parado

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Inter

    Alemão participa de treinamento do Inter como titular do time para este sábado

    Alemão participa de treinamento do Inter como titular do time para este sábado

Alemão está de volta ao time titular do Inter. Depois de cinco meses parado por lesão e o emocionante retorno contra o Figueirense, ele ocupará o posto de Claudio Winck, fora do jogo contra o Náutico por conta de uma contusão na coxa esquerda. E para compensar a falta de ritmo pelo tempo ausente, ele irá priorizar a parte defensiva. 

"O Winck tem as características dele, eu as minhas. Sou um jogador agudo, gosto de atacar, mas quero ajudar o time. Mas por estar em um período longo sem atuar, vou priorizar a marcação e ajudar meus companheiros na defesa para o ataque fluir. Vou trabalhar muito concentrado e fazer o simples para ajudar", afirmou em entrevista coletiva. 

Alemão não começa uma partida como titular desde abril. Sofreu com um edema ósseo no pé direito e agora terá oportunidade de retornar em um momento bom do time. Diferente do começo da Série B. 

"O momento que vivemos é totalmente diferente. Se eu voltasse no período ruim, seria uma readaptação mais difícil. Mas sempre confiamos no nosso companheiro independente do momento. Vivemos um momento bom, diferente, tenho a confiança de todos e isso me dá confiança e me tranquiliza. Posso arriscar alguma jogada. É colocar deus na frente de tudo e trabalhar firme", completou.

Alemão tem mais dois anos de contrato e a confiança da direção. Chegou depois de uma boa campanha no Botafogo e era eleito substituto de William, negociado com futebol alemão. Ainda há expectativa de evolução e participação mais ativa no elenco. 

"Quando estive fora, me agarrei na minha família e em Deus. A fé é a base de tudo. Sabia que tinha que esperar, uma hora iria melhorar, só não sabia quando. Procurei tratar, fui o máximo profissional possível quando lesionado e voltei com força para treinar. Me sinto um privilegiado de vestir a camisa do Inter. A gradeço a Deus e quero mostrar porque fui contratado. É hora de trabalhar firme e honrar esta camisa", finalizou.

O Inter enfrenta o Náutico no sábado às 16h30 (de Brasília) em Caruaru. Sem D'Alessandro, Felipe Gutiérrez deve ser titular no meio-campo. Com 45 pontos, o time vermelho é vice-líder da Série B. 

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos