Volante do Santa pega quatro jogos de suspensão por expulsão em clássico

Do UOL, em Santos (SP)

  • MARLON COSTA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

    Derley e Dico disputam lance em Santa Cruz x Náutico na Série B

    Derley e Dico disputam lance em Santa Cruz x Náutico na Série B

Derley não defende mais o Santa Cruz em 2017. Denunciado por conta da expulsão no clássico contra o Náutico, pela 33ª rodada da Série B, o jogador coral pegou quatro jogos de suspensão.

A pena de Derley, que foi julgado pelo STJD nesta sexta-feira (17) por reclamar com a arbitragem e, segundo a súmula, acertar o juiz com uma cabeçada, poderia chegar a seis meses.

Com a suspensão, Derley não joga mais pelo Santa Cruz nesta temporada, uma vez que restam apenas duas rodadas da Série B. Com situação indefinida para 2018, ele ainda terá de cumprir mais dois jogos de suspensão no próximo ano - em competições organizadas pela CBF.

O Santa Cruz também não escapou de punição e terá de pagar uma multa de R$ 6,6 mil por conta de uma pedra arremessada a campo, em direção ao juiz.

Em contrapartida, o técnico Marcelo Martelotte, demitido na última quarta-feira (15), o auxiliar, Antônio Júnior, e o preparador de goleiros, João Lacerda, escaparam de suspensão. Eles foram julgados por ofender o árbitro da partida, Thiago Duarte Peixoto.

Em clássico disputado no dia 4 de novembro, o Náutico levou a melhor sobre o Santa Cruz e venceu o jogo no Arruda por 3 a 2. As duas equipes já estão rebaixadas para a Série C.

UOL Cursos Online

Todos os cursos