Interino elogia Abel e se propõe a entregar dossiê sobre o grupo do Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Thiago Ribeiro/AGIF

    Abel Braga é pretendido no Internacional para temporada de 2018 e agrada interino

    Abel Braga é pretendido no Internacional para temporada de 2018 e agrada interino

Odair Hellmann sempre teve boa relação com Abel Braga. Das vezes que foi auxiliar da comissão técnica do atual treinador do Fluminense, o interino do Inter carrega admiração e ótimas lembranças. Até por isso, caso se confirme a chegada do treinador no Colorado para 2018, poderá entregar um dossiê com a avaliação do elenco.

"Sou suspeito para falar do Abel. Gosto muito dele pessoalmente e profissionalmente. Tive uma relação ótima com ele e todos os membros da comissão técnica dele. Só tenho coisas boas para falar dele. O convívio foi espetacular. Vamos aguardar os próximos capítulos", disse em entrevista coletiva.

As palavras reforçam a proximidade entre eles e a perspectiva de entregar uma avaliação do grupo tão logo Abel chegue ao Colorado. O nome do atual comandante do Flu segue como mais forte para o 2018 do time gaúcho.

"Eu tenho mais ou menos 14 treinadores que passaram por aqui comigo como auxiliar. Trabalhei mais diretamente com alguns, na seleção diretamente, menos com outros. Quando vem uma comissão técnica, com comandante, parte dali a direção. Cabe a nós estarmos preparados em todas as situações para que ele venha e manifeste o interesse de receber alguma coisa. Se ela (comissão) fizer isso, estou pronto, como todos aqui estão. Há uma comissão permanente de ótimos profissionais. Passaremos informações dos processos ao longo do ano, das análises, o mais rápido possível. Cabe a nós estarmos prontos para passar isso.A gora, depende, e temos que saber quem será e os métodos dele, do treinador para ser mais ou menos receptivo a isso", explicou.

Nesta sexta-feira, Abel Braga concedeu entrevista no Rio de Janeiro e disse que seu desejo é permanecer no Fluminense. Contudo, abriu a perspectiva de uma mudança de objetivo a partir de uma reunião com a direção do clube.

Em Porto Alegre o treinador segue predileto para comandar o clube. Não há muitas opções em debate e caso Abel rejeite a oferta apresentada a seu filho na última quinta-feira, a procura precisará recomeçar.

Neste sábado, o Colorado encerra sua temporada na partida contra o Guarani, no Beira-Rio. Mas a tendência é que o nome do treinador ainda não seja confirmado na ocasião. 

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos