Polícia age após briga entre torcidas de Coritiba e Figueirense na Série B

Do UOL, em Santos (SP)

  • REINALDO REGINATO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

    Policais entram em confronto com torcedores do Figueirense no Couto Pereira

    Policais entram em confronto com torcedores do Figueirense no Couto Pereira

Além do empate por 1 a 1 entre Coritiba e Figueirense, o jogo disputado na noite deste sábado (23), no Couto Pereira, pela 12ª rodada da Série B, ficou marcado por cenas de violência entre as torcidas nas arquibancadas do estádio.

No intervalo do jogo, aficionados dos dois times trocaram xingamentos e tentaram derrubar uma espécie de painel que separava as duas torcidas. A Polícia Militar precisou agir e reforçou a segurança no local, inicialmente contendo a confusão, porém, depois que a bola voltou a rolar, torcedores do Figueirense entraram em confronto com policiais.

Já com a bola rolando, a Polícia Militar precisou utilizar balas de borracha e bombas de efeito moral para acalmar os ânimos dos torcedores do Figueirense.

O próprio Coritiba utilizou o Twitter para reprovar a confusão. "Lamentar a atitude de quem vem para um jogo de futebol causar confusão. Seja qual for a camisa, qual for o local. Façam um favor a todos e não voltem mais", postou o clube paranaense.

Dentro de campo, o Coritiba saiu na frente ainda no primeiro tempo, aos 45min, com Alisson Farias finalizando no canto. Já na etapa final, Maikon Leite saiu do banco para marcar um lindo gol de fora da área e empatar a partida por 1 a 1.

Com o resultado, o Coritiba fica com a sexta colocação da tabela, com 19 pontos, enquanto o Figueirense aparece em terceiro, com 21.

UOL Cursos Online

Todos os cursos