! "Norte-americano" faz dois, e Itália estreia com vitória sobre os EUA - 15/06/2009 - UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte Futebol
 
15/06/2009 - 17h23

"Norte-americano" faz dois, e Itália estreia com vitória sobre os EUA

Não foi apenas a seleção brasileira que sofreu na estreia da Copa das Confederações. Outra favorita ao título, a atual campeã mundial Itália atuou boa parte da partida com um a mais em campo, mas encontrou certa dificuldade para vencer de virada os Estados Unidos por 3 a 1, em Pretória, no encerramento da 1ª rodada do grupo B. Coincidentemente, o norte-americano naturalizado italiano Rossi foi responsável direto em evitar o vexame ao anotar dois gols --De Rossi completou.

ITÁLIA VIRA E VENCE NA ESTREIA
AP Photo/Rebecca Blackwell
A Itália saiu perdendo com um gol de pênalti convertido pelo atacante Donovan
AP Photo/Antonio Calanni
Porém, o "norte-americano" Rossi marcou por duas vezes e virou a partida para 3 a 1
AFP
E fez a festa da equipe italiana, que agora lidera o grupo B da C. das Confederações
CONFIRA MAIS IMAGENS DA PARTIDA
VEJA A CLASSIFICAÇÃO DO GRUPO B
BRASIL VENCE NA ESTREIA POR 4 A 3
EGITO PROTESTARÁ CONTRA PÊNALTI
LEIA MAIS DA C. DAS CONFEDERAÇÕES
Assim, italianos e brasileiros contabilizam três pontos cada um, enquanto egípcios e norte-americanos ainda não pontuaram. Na próxima quinta-feira, a Itália pega o Egito, que quase arrancou um empate diante dos brasileiros --perdeu por 4 a 3, com gol sofrido nos minutos finais. No mesmo dia, os norte-americanos pegam a seleção de Dunga.

Engana-se quem pensa que a Itália encontrou facilidade. O primeiro tempo do duelo em Pretória pode ser dividido em duas partes. Na primeira metade, muito equilíbrio e poucas oportunidades. Para se ter ideia, o primeiro lance perigoso da atual campeã mundial ocorreu somente aos 20min, quando Legrottaglie, sozinho, cabeceou para fora. Já a segunda parte dos primeiros 45 minutos foi bem mais movimentada.

Aos 29min, por exemplo, Altidore recebeu passe de Donovan, mas bateu fraco e sem direção. O time norte-americano não fez e, logo depois, ainda viu Clark receber cartão vermelho após uma entrada violenta em Gatusso. Tudo levava a crer que os italianos encontrariam mais espaços para abrirem o marcador.

Até fizeram o tento. Aos 38min, Bornstein tentou cortar lançamento para Camoranesi e acabou marcando contra. Para sua sorte, o assistente anotou impedimento do italiano. Mesmo com um a menos em campo, o time treinado por Bob Bradley não se intimidou. No lance seguinte, aos 39min, Altidore foi derrubando dentro da área por Chiellini. Donovan cobrou pênalti e fez 1 a 0.

Marcelo Lippi não tinha alternativa para a etapa final. Precisava colocar sua equipe no ataque. E foi justamente o que aconteceu. O time italiano, enfim, percebeu que tinha um jogador a mais e começou a pressionar. No entanto, não estava conseguindo penetrar na fechada defesa norte-americana. O jeito era arriscar de longe. E foi assim que virou o marcador.

Aos 13min, o norte-americano naturalizado italiano Rossi "roubou" a bola no meio-campo e bateu de longa distância, sem defesa para Howard. Um golaço. A partir daí, os Estados Unidos recuaram e tentaram segurar o resultado. Mas um belo chute de fora da área de De Rossi, aos 26min, fez o segundo. Nos acréscimos. Rossi selou a vitória italiana. 3 a 1.

ESTADOS UNIDOS 1 X 3 ITÁLIA

Estados Unidos
Howard; Bornstein (Kljestan), Onyewu, Demerit e Spector; Clark, Dempsey, Feilhaber (Beasley) e Michael Bradley; Altidore (Davies) e Donovan.
Técnico: Bob Bradley

Itália:
Buffon; Zambrotta, Legrottaglie, Chiellini e Grosso; Gattuso (Rossi), Pirlo, De Rossi e Camoranesi (Montolivo); Gilardino (Luca Toni) e Iaquinta.
Técnico: Marcelo Lippi

Data: 15/06/2009 (segunda-feira)
Horário: 15h30 (de Brasília)
Local: Loftus Versfeld Stadium, em Pretória (África do Sul)
Árbitro: Pablo Pozo (CHI)
Assistentes: Patricio Basualto (CHI) e Francisco Mondria (CHI)
Cartões amarelos: Grosso e , Legrottaglie (Itália); Bornstein (Estados Unidos)
Cartão vermelho: Clark (Estados Unidos)
Gols: Donovan, aos 40min do primeiro tempo; Rossi, aos 13min e aos 48min, e De Rossi, aos 26min do segundo tempo.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host