! Estados Unidos surpreendem, vencem Egito por 3 a 0 e avançam - 21/06/2009 - UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte Futebol
 
21/06/2009 - 17h23

Estados Unidos surpreendem, vencem Egito por 3 a 0 e avançam

Enquanto todos esperavam pela disputa entre Itália e Egito para a segunda vaga do grupo B para as semifinais da Copa das Confederações, na África do Sul, os Estados Unidos venceram os egípcios por 3 a 0, neste domingo, e deixaram a lanterna para surpreender e confirmar a classificação.

Os norte-americanos ficaram em segundo lugar, com três pontos, porque os italianos, com a mesma pontuação e saldo de gols, perderam também por 3 a 0 para o Brasil e caíram para a terceira colocação, por terem marcado um gol a menos. Já o Egito, outra seleção que terminou com três pontos, ficou em último devido ao saldo de gols.

Os Estados Unidos vão enfrentar a Espanha na semifinal. A outra será entre Brasil e a anfitriã África do Sul. Os gols do duelo foram marcados por Davies, Bradley e Dempsey.

Praticamente ninguém apostava na classificação dos norte-americanos, que haviam perdido os dois primeiros jogos e almejavam apenas uma despedida honrosa. Já o Egito, depois de dar trabalho ao Brasil na estreia e superar a atual campeã mundial, a Itália, torcia por um tropeço italiano diante dos brasileiros e poderiam se classificar até mesmo com uma derrota, mas não tão elástica.

O jogo
O time norte-americano foi superior na etapa inicial até abrir o placar, aos 21 minutos. Depois, os africanos, que sentiram falta do atacante Zidan, machucado, tentaram buscar o empate. No segundo tempo, mais uma vez o time do técnico Bob Bradley foi superior e ampliou a vantagem.

Os Estados Unidos criaram a primeira oportunidade, quando Bradley invadiu a área pelo lado direito e bateu cruzado. O goleiro El Hadary fez a defesa com os pés.

Pouco depois, Donovan dominou no peito, passou pela marcação e ficou de frente para o gol. Porém, preferiu passar a bola e desperdiçou o lance. Já aos 21, Altidore cruzou, a zaga se atrapalhou dentro da pequena área e a bola sobrou para Davies, que bateu quase sem ângulo para marcar o gol. Os egípcios então passaram a sair mais para o jogo e criar algumas chances.

Aboutrika tentou da entrada da área, e Guzan fez boa defesa. Aos 39, Hosni arriscou de longe, e a bola raspou no travessão. Nos acréscimos, Clark invadiu a área com liberdade pela esquerda e bateu cruzado, exigindo a defesa de Hadary.

No segundo tempo, os Estados Unidos voltaram novamente melhores. Logo aos nove minutos, o zagueiro Hani, do Egito, salvou em cima da linha, depois que Altidore chutou da marca do pênalti. Pouco depois, Hadary fez intervenção em arremate de Bradley.

Aos 17, no entanto, Bradley recebeu cruzamento rasteiro e bateu de primeira, no canto o goleiro egípcio. Aos 25, em bola alçada na área, Dempsey marcou de cabeça o gol que colocou os norte-americanos nas semifinais. Aos 43, Gomaa cebeceou por cima do gol. Se a bola entrasse, quem avançaria seria o Egito.

Egito 0 x 3 Estados Unidos

Egito
El Hadary; Fathi (Said), Hani, Gomaa e Farag; Mohamadi, Shawky, Aboutrika e Hosni; Abdelghani (Abougrisha) e Eid (Hassan)
Técnico: Hassan Shehata

Etados Unidos
Guzan; Spector, Onyewu, DeMerit e Bornstein; Michael Bradley, Clark, Dempsey e Davies (Casey); Donovan e Altidore (Feilhaber)
Técnico: Bob Bradley

Data: 21/06/2009 (domingo)
Local: estádio Royal Bafokeng, em Rustemburgo (África do Sul)
Árbitro: Michael Hester (NZL)
Cartões amarelos: Mohamadi (Eg); Spector e Bradley (Es)
Gols: Davies, aos 21 minutos do primeiro tempo; Donovan, aos 17, e Dempsey, aos 25 minutos do segundo tempo

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host