! Beckenbauer se diz preocupado com fiasco europeu na C. Confederações - 26/06/2009 - UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte Futebol
 
26/06/2009 - 09h29

Beckenbauer se diz preocupado com fiasco europeu na C. Confederações

Presente na África do Sul para a Copa das Confederações como garoto-propaganda de uma multinacional de artigos esportivos, o ídolo do futebol alemão Franz Beckenbauer disse estar decepcionado com as seleções da Europa, mas afirmou ainda acreditar no êxito dos times do continente no Mundial de 2010, em análise com base no desempenho de Itália e Espanha no evento deste ano.

Favoritas antes do início da competição, Itália e Espanha estão fora da disputa pelo título, em briga agora exclusiva dos finalistas Brasil e Estados Unidos, que decidem a taça no próximo domingo, em Johanesburgo.

Os campeões mundiais italianos fracassaram na primeira fase com uma campanha decepcionante, de duas derrotas e apenas uma vitória, sobre os EUA. Os espanhóis, melhores da Eurocopa-2008, tiveram desempenho irretocável nos três primeiros jogos, mas caíram contra os norte-americanos na semifinal, em resultado considerado surpreendente pela crítica internacional.

"A performance pobre da Itália é decepcionante, não só para a Itália, mas para a Europa inteira. Já a Espanha perdeu para os EUA, mereceu perder. Não conseguiu fazer gols, apesar de ter tido muitas chances. Todos esperavam Brasil contra Espanha na final, mas tivemos essa decepção. Teremos que aprender com o torneio deste ano", comentou Beckenbauer, campeão do mundo em 1974, como jogador, e em 1990, como técnico.

"O calendário europeu tem muitos jogos, tanto na Itália, na Espanha, o mesmo com a Inglaterra. A temporada é longa, sem pausas, e os jogadores têm ficado muito cansados. As condições caem no final da temporada. Mas no ano que vem teremos o limite da Fifa para encerramento de campeonatos nacionais, no começo de maio. Por isso acredito que os europeus vão estar muito melhores ano que vem", emendou o ex-jogador.

As seleções do Velho Continente enfrentarão um longo tabu na Copa de 2010. Nunca uma equipe nacional dessa região foi campeã mundial atuando fora da Europa.

A antiga estrela de Bayern de Munique e seleção alemã ainda foi questionada sobre as mudanças do futebol de sua época com os tempos atuais e defendeu Pelé como o melhor da história.

"O futebol mudou muito nos últimos 10 ou 15 anos. Tudo mudou. Quando comecei a jogar, nos anos 60, a televisão mostrava os jogos em preto e branco. Me pedem sempre para comparar os jogadores. Para mim, Pelé é ainda o melhor da história, mas Messi é o melhor do mundo atualmente. Acho impossível comparar os jogadores das duas épocas", declarou o alemão.

Beckenbauer ainda disse ser um grande e antigo conhecedor da África do Sul. "Estive aqui pela primeira vez 25 anos atrás. Não para jogar futebol, mas para jogar golfe. Conheço um monte de campos por aqui", afirmou.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host