Atlético-MG repete virada, elimina Fla e decide Copa BR contra Cruzeiro

Do UOL, no Rio de Janeiro

O Atlético-MG vai decidir a Copa do Brasil pela primeira vez na história. E o adversário será o rival Cruzeiro. Pela primeira vez os times mineiros farão uma decisão de um torneio nacional.

Depois de um título de Copa Libertadores repleto de reviravoltas em 2013 e passar pelo Corinthians nas quartas de final da Copa do Brasil, o Alvinegro conseguiu mais uma virada emocionante nesta quarta-feira diante de um Mineirão lotado.

Com gols de Carlos, Maicosuel, Dátolo e Luan (Everton abriu o placar), o time goleou o Flamengo por 4 a 1 e reverteu a vantagem de 2 a 0 dos cariocas no primeiro jogo. Os comandados de Levir Culpi já haviam obtido feito semelhante na passagem para a semifinal, quando golearam o Corinthians pelo mesmo placar após também perderem por 2 a 0, em São Paulo.

A primeira partida da decisão está marcada para a próxima quarta-feira (12). O segundo e decisivo confronto acontece no dia 26 de novembro. Os mandos de campo serão sorteados pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol) na tarde desta quinta-feira.

Fases do jogo: O duelo começou conforme o esperado. Em busca de revertar a vantagem do Flamengo, o Atlético-MG se lançou ao ataque. Os cariocas adotaram postura fechada na expectativa de encaixar os contra-ataques. A velocidade dos donos da casa rendeu oportunidade clara aos 31min. Luan ganhou de Everton pela direita e cruzou para Tardelli. Dentro da área, o camisa 9 driblou Léo e chutou na trave. Aos 34min, Everton desafogou o Rubro-negro. O meia deixou Dátolo, Josué e Leonardo Silva para trás, invadiu a área e chutou cruzado para marcar o primeiro gol do jogo.

A torcida carioca inflamou no Mineirão, mas o Atlético-MG não desistiu e empatou ainda no primeiro tempo. Aos 41min, Douglas Santos cruzou da esquerda. A bola passou por todo mundo e Carlos apareceu para colocá-la no fundo da rede. Assim terminou a primeira etapa de muita tensão em Belo Horizonte.

O segundo tempo começou da mesma forma e com o Atlético-MG partindo com tudo para descontar a vantagem adversária. O Flamengo aceitou a pressão com a estratégia de apostar mais uma vez nos contragolpes. Aos 12min, o Galo marcou o segundo. Eduardo da Silva tentou passe de calcanhar no meio de campo e entregou a bola de graça. Luan avançou e deu passe para Maicosuel. Livre de marcação, o camisa 70 bateu com categoria e não deu chance de defesa para Paulo Victor.

Aos 36min, Marion, de costas para a meta do Flamengo, tocou de peito para Dátolo. O argentino chutou forte e mandou a bola no cantinho esquerdo de Paulo Victor. O Galo pressionou ainda mais e conseguiu o gol da classificação aos 39min. Os cariocas chamaram os donos da casa e foram punidos. Após o levantamento na área, Leonardo Silva ajeitou de coxa. A bola sobrou para Luan vencer Paulo Victor e explodir o Mineirão. Mais um milagre consolidado do Clube Atlético Mineiro.

O melhor: Dátolo - O argentino fez bela partida e ainda marcou o terceiro gol do Atlético-MG.

O pior: Eduardo da Silva - O atacante do Flamengo foi peça nula e errou o passe que resultou no segundo gol do Atlético-MG.

Chave do jogo: A determinação do Atlético-MG foi o diferencial da semifinal. O time acreditou até o fim e garantiu a vaga na decisão da Copa do Brasil pela primeira vez na história.

Para lembrar: O Atlético-MG coleciona viradas históricas desde 2013. Foi assim na noite desta quarta-feira, também quando eliminou o Corinthians e na campanha do título da Copa Libertadores em 2013.

ATLÉTICO-MG 4 X 1 FLAMENGO

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (BH)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Auxiliares: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Kleber Lucio Gil (SC)
Cartões amarelos: Victor (Atlético-MG); Wallace, Cáceres, Everton, Elton, Márcio Araújo (Flamengo)
Gols: Everton, aos 34min do primeiro tempo, Carlos, aos 41min do primeiro tempo, Maicosuel, aos 12min, Dátolo, aos 36min, e Luan, aos 39min do segundo tempo

ATLÉTICO-MG
Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Josué (Leandro Donizete), Dátolo, Luan e Maicosuel (Marion); Tardelli e Carlos (Dodô)
Técnico: Levir Culpi

FLAMENGO
Paulo Victor; Léo, Chicão, Wallace e João Paulo; Cáceres, Márcio Araújo, Canteros e Everton (Mattheus); Nixon (Elton) e Eduardo da Silva (Luiz Antônio)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos