Cruzeiro joga bem, vence o Londrina e evita jogo da volta na Copa do Brasil

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Robson Vilela/Light Press/Cruzeiro

    De cabeça, Bruno Rodrigo abriu o placar do jogo contra o Londrina, no estádio do Café

    De cabeça, Bruno Rodrigo abriu o placar do jogo contra o Londrina, no estádio do Café

Ainda sem definir seu treinador, o Cruzeiro entrou em campo na Copa do Brasil mais uma vez sob o comando do técnico interino Geraldo Delamore. Diferente da primeira ocasião, quando sofreu para vencer o Campinense em pleno Mineirão, o time celeste fez uma boa apresentação e superou o Londrina por 2 a 0 em partida válida pela segunda fase da competição. De quebra, o placar foi o suficiente para eliminar o jogo de volta. Os gols da partida foram marcados por Bruno Rodrigo e Henrique, ainda no primeiro tempo de jogo.

Além de conseguir uma folga no calendário por causa do resultado positivo e a classificação garantida para a terceira fase, o Cruzeiro agora só ficará no aguardo do seu próximo adversário. Portuguesa e Vitória fazem o primeiro jogo nesta quarta-feira, no Canindé. Pelo Brasileirão, o time permanece no Paraná e faz sua estreia neste sábado, contra o Coritiba, no Couto Pereira.

LONDRINA 0x2 CRUZEIRO

Motivo: Jogo de ida, segunda fase da Copa do Brasil 2016
Data/Hora: 10/05/2016, às 21h30
Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Árbitro: Marcio Henrique de Gois (SP)
Assistentes: Marcia Bezerra Lopes Caetano (SP) e Alex Ang Ribeiro (SP)

GOLS: Bruno Rodrigo, 21'1ºT (0-1); Henrique, 36'1ºT (0-2)
Cartões amarelos: Germano, Jô, Silvio, Matheus (LON); Élber, Sanchez Miño, Ariel Cabral, Fábio, Lucas Romero (CRU)
Cartão vermelho: Não teve.
Público/Renda: 3.393 pagantes/R$54.690,00.

LONDRINA: Marcelo Rangel; Igor Bosel, Silvio, Matheus e Paulinho; Germano, Bidía (Rafael Gava - Intervalo), Netinho e Zé Rafael (Jô - Intervalo); Paulinho Moccelin (Bruno Batata - 21'2ºT) e Itamar. Técnico: Cláudio Tencati.

CRUZEIRO: Fábio; Lucas, Léo, Bruno Rodrigo e Sanchez Miño; Romero, Henrique, Élber (Douglas Coutinho - 15'2ºT), Pisano (Ariel Cabral - 25'2ºT) e Allano (Bruno Ramires - 32'2ºT); Willian. Técnico (interino): Geraldo Delamore.

Fases do jogo

  • Primeiro tempoEntrosamento e organização resumiram o primeiro tempo facilmente controlado pelo time mineiro. O Cruzeiro não tomou sufoco em nenhum momento e conseguiu abrir uma boa vantagem ainda antes do intervalo. Mesmo pecando na falta de apoio pelas laterais, o time visitante contou com a boa apresentação de Pisano, substituto de Arrascaeta e principal responsável pelas armações de jogadas. Foi dele a assistência na cobrança de falta para o gol de Bruno Rodrigo, de cabeça. Mesmo sem ser brilhante, os visitantes ainda aumentaram a vantagem com Henrique, em um chutaço de fora da área.
  • Segundo tempoCom jogadores rápidos em campo, o Cruzeiro não soube valorizar tanto a bola com o placar favorável, o que permitiu ao Londrina ataques mais frequentes, embora pouco perigosos. Menos movimentada, a partida fluiu sem emoções. Faltando cerca de 15 minutos para o fim, Delamore promoveu mudanças e fechou de vez a equipe, que conseguiu colocar a bola no chão e gastar tempo à espera do apito que rendeu a vitória por 2 a 0 e a classificação para a próxima fase.

Destaques

  • Apagão antes do jogoAntes da partida, duas torres de iluminação apresentaram problemas e alguns refletores apagaram. Até que o problema fosse solucionado, o jogo começou com 20 minutos de atraso.
  • Vem reforço por aí!Quando a bola já estava rolando, a diretoria do Cruzeiro confirmou a contratação do lateral esquerdo Bryan, que chega do rival América-MG, campeão estadual em cima do Atlético no último domingo.
  • Despedida do uniformeNo Cruzeiro, os jogadores atuaram pela última vez com o uniforme estampado pela fornecedora Penalty. Na próxima quinta, a Umbro apresentará a nova vestimenta celeste.

Melhor em campo

  • Matías Pisano, do CruzeiroRápido e habilidoso, o baixinho Pisano está acostumado a ir para cima dos zagueiros pelas laterais do campo. Mas o argentino não sentiu o peso de substituir Arrascaeta e jogou muito bem centralizado, como organizador das jogadas. Foi autor da assistência para Bruno Rodrigo inaugurar o placar.

Próximos Jogos - Londrina-PR

  1. Foz do Iguaçu-PR FOZ
    Londrina-PR LEC
  2. Londrina-PR LEC
    Maringá MAR
  3. Paraná Clube PAR
    Londrina-PR LEC
  4. Real Desportivo
    Londrina-PR LEC

Próximos Jogos - Cruzeiro

  1. Caldense-MG CAL
    Cruzeiro CRU
  2. Cruzeiro CRU
    Uberlândia UBE
  3. Tombense-MG TOM
    Cruzeiro CRU
  4. Cruzeiro CRU
    América-MG AMG
  5. Democrata-GV DGV
    Cruzeiro CRU

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos