De saída, volante do Atlético-PR vira desfalque. Walter será poupado

Do UOL, em São Paulo

  • Gustavo Oliveira/Site Oficial do Atlético-PR

    Um dos destaques do Atlético-PR no Estadual, Jadson não deve ter contrato renovado

    Um dos destaques do Atlético-PR no Estadual, Jadson não deve ter contrato renovado

O técnico Paulo Autuori chegou a dizer na entrevista coletiva da última terça-feira que, para a partida desta quarta, contra o Dom Bosco-MT, na Arena da Baixada, pela Copa do Brasil, usaria basicamente o mesmo grupo do jogo contra o Palmeiras, na estreia do Brasileiro. Isso, porém, não acontecerá, já que quatro jogadores que foram titulares no domingo viraram desfalques.

Paulo André, Vinícius, Jadson e Walter sequer concentraram para a partida decisiva desta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília). De acordo com a assessoria do clube rubro-negro, o zagueiro e o meia foram vetados pelo departamento médico, com dores no joelho e lombalgia, respectivamente. Já o atacante será poupado e volta ao time domingo, contra o Atlético-MG.

O caso que mais chama a atenção é o de Jadson. O volante tem contrato até o fim de junho e dificilmente voltará a vestir a camisa rubro-negra, já que o clube paranaense não acena com uma possível renovação.

Até mesmo o presidente Mario Celso Petraglia se manifestou sobre o assunto na última terça-feira. "Aconteceu no CAP [Clube Atlético Paranaense] foi culpa do MCP Mario Celso Petraglia]! Saco, tenho que aguentar as viúvas do Jadson! Esta é a parte mais chata da torcida, pensam que sabem de bola!", desabafou o atual presidente do Conselho Deliberativo no Twitter.

Com os quatro desfalques, o Atlético-PR deve ir a campo nesta quarta com Weverton; Léo, Vilches, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Hernani, Pablo e Nikão; Ewandro e André Lima.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos