Vaz fez gol de novo e jogou no ataque do Vasco, mas crava: "Sou zagueiro"

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Paulo Fernandes / Site oficial do Vasco

    Rafael Vaz comemora o seu gol salvador contra o CRB em São Januário

    Rafael Vaz comemora o seu gol salvador contra o CRB em São Januário

Rafael Vaz vive uma fase iluminada. Assim como já havia acontecido na decisão do Campeonato Carioca, o jogador saiu do banco de reservas e fez o gol decisivo para o Vasco, desta vez atuando como atacante, embora seja zagueiro de ofício.

Embora o técnico Jorginho tenha dito ainda no ano passado que ele tinha "cacoete" para jogar na frente, o "iluminado" bateu o pé e cravou sua posição.

"Eu sou zagueiro, tenho que me preocupar em marcar. Hoje foi um dia atípico. Graças a Deus eu pude ajudar", disse à Rádio Bradesco Esportes.

Rafael Vaz entrou na vaga do atacante Thalles e recebeu a determinação para ficar plantado na frente. Após o jogo, detalhou seu gol contra o CRB, que garantiu a classificação do Vasco à terceira fase da Copa do Brasil.

"Abriram a bola para o Éder Luis e ele tem o costume de leva-la para o fundo. Eu fui conferir e tive a felicidade de ajudar a equipe", destacou.

Companheiro de equipe, o meia Andrezinho foi lembrado da situação atual de Vaz, que terá seu contrato encerrado no fim do mês. O jogador, no entanto, acredita na permanência do "amuleto".

"Rafael Vaz vem sendo iluminado, fazendo vários gols importantes. Tenho certeza que, do jeito que as coisas andam e ele sendo tão decisivo, Rafael Vaz vai continuar com a gente", disse. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos