Vexame de amigo no Santos faz Dorival repensar 'mistão' contra o Gama

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/SantosFC

    Dorival Júnior tenta fugir de time misto, mas tem desfalques importantes nesta quarta-feira

    Dorival Júnior tenta fugir de time misto, mas tem desfalques importantes nesta quarta-feira

Após vencer o Vitória no último final de semana, o técnico Dorival Júnior cogitou poupar alguns titulares contra o Gama, nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), na Vila Belmiro, válido pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil. A primeira partida terminou empatada sem gols no Bezerrão.

Para avançar, o Santos precisará ganhar por qualquer resultado. Novo 0 a 0 leva a decisão para os pênaltis. Empate com gols dará a vaga ao Gama.

No entanto, quando se falar de time misto na Copa do Brasil, o santista logo se lembra do vexame que ocorreu em 2009, quando o então técnico do Santos e amigo pessoal de Dorival, Vagner Mancini, escalou um 'mistão' e foi eliminado pelo CSA, de Alagoas, em plena Vila Belmiro.

Na ocasião, o Santos de Mancini havia empatado o primeiro jogo por 0 a 0, mas foi eliminado ao perder a partida de volta por 1 a 0 na Vila, com gol de Júnior Amorim.

Como iniciaria quatro dias depois as finais do Campeonato Paulista contra o Corinthians de Ronaldo Fenômeno, Mancini optou por escalar um time misto e poupou seus principais jogadores. Com a derrota parcial durante o segundo jogo diante do CSA, o treinador ainda colocou Kleber Pereira e Paulo Henrique Ganso no segundo tempo, mas não conseguiu o resultado para a classificação.

Após perder a decisão do Paulista e iniciar mal o Campeonato Brasileiro, a diretoria santista levou em conta a decisão de Mancini em poupar os titulares na Copa do Brasil e demitiu o treinador.

Dorival sabe do peso de uma eliminação para o Gama em plena Vila Belmiro e repensou o time misto. O problema é que o treinador não consegue fugir de uma escalação alternativa, já que não conta com o trio olímpico – Gabigol, Thiago Maia e Zeca – e ainda perdeu Lucas Lima, que sofreu um edema no músculo superior da coxa esquerda.

Se não bastasse, Victor Ferraz e Ricardo Oliveira foram poupados da última atividade antes do jogo, no CT Rei Pelé. O primeiro sofre desgaste muscular e pode ser substituído por Daniel Guedes. Já a escalação de Ricardo Oliveira é um mistério.

No entanto, o desejo do treinador é escalar a dupla para que o Santos não entre em campo sem seis titulares.

Para o lugar de Lucas Lima, Dorival Júnior deve escalar o argentino Emiliano Vecchio, que treinou entre os titulares na última terça-feira. Outra opção de Dorival é adiantar Léo Cittadini para a função de armador e escalar Yuri ao lado de Renato como volante.

Santos x Gama
 
Data e horário: 27/07/2016, às 21h45 (de Brasília)
Local: Vila Belmiro, em Santos-SP
Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)
Auxiliares: Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Fabiano da Silva Ramires (ES)
 
Santos: Vanderlei, Victor Ferraz (Daniel Guedes), Luiz Felipe, Gustavo Henrique, Caju; Renato, Léo Cittadini, Vecchio, Vitor Bueno, Copete; Ricardo Oliveira (Rodrigão).
Técnico: Dorival Júnior. 
 
Gama: Maringa, Dudu Gago, Pedrão, Murilo, Eduardo, Felipe Assis, David, Michel Pires, Roberto, Jeferson Paulista e Baiano.
Técnico: Reinaldo Gueldini.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos