Cássio volta a falhar, mas Corinthians arranca empate contra o Fluminense

Do UOL, em São Paulo

O Corinthians perdeu quase todas suas referências nos últimos meses e, aquele que ficou, não tem contribuído. Nesta quarta-feira, em visita ao Fluminense em Edson Passos, a equipe corintiana precisou superar mais uma falha do goleiro Cássio para arrancar empate por 1 a 1 na estreia pela Copa do Brasil. 

Um gol de Marquinho, em erro do arqueiro, deixou o Flu em vantagem, mas Rodriguinho estabeleceu a igualdade no segundo tempo. O Corinthians chegou a ter momentos de domínio após o intervalo, mas o Fluminense não facilitou e cresceu com modificações de Levir Culpi. 

A decisão da vaga nas quartas de final fica em aberto para o jogo de volta, em Itaquera. O reencontro será apenas no dia 21 de setembro, com ligeira vantagem ao Corinthians pelo gol anotado fora de casa. 

Ídolo de volta: na estreia como titular, Marquinho deixa o dele

Marquinho teve a primeira oportunidade na equipe principal e justificou a decisão de Levir Culpi, que retirou Marcos Júnior da equipe. Marcado pelo gol que livrou o Fluminense do rebaixamento de volta, o meia deu sua contribuição. Atento na área, colocou para dentro rebote dado por Cássio. Na etapa seguinte, sentiu o ritmo e foi retirado. 

O melhor: Wellington dá trabalho à defesa do Corinthians

Foi uma partida sem protagonistas no estádio do América-RJ. Mas, entre os jogadores de ataque, o garoto Wellington foi quem mais conseguiu ameaçar. No primeiro tempo, exigiu bastante do lateral Léo Príncipe e toda a defesa corintiana. No segundo, criou a oportunidade de maior perigo em um cruzamento aparentemente inofensivo que quase vazou Cássio. 

O pior: Cássio falha mais uma vez e dá sustos

A temporada do goleiro corintiano, definitivamente, não é feliz. Cássio, que já foi até reserva e falhou em jogos recentes contra Ponte Preta e Grêmio, voltou a hesitar no gol marcado por Marquinho. Na saída para o intervalo, ele negou ter falhado, a exemplo do que havia feito na derrota para a equipe gremista. Já no segundo tempo, demorou a repor bola em jogo e permitiu falta dentro da área alvinegra. Depois, quase foi surpreendido por um cruzamento inofensivo de Wellington. 

Substituto de Fagner se destaca em prova de fogo

Recentemente promovido das divisões de base, o garoto Léo Príncipe teve a segunda oportunidade como titular entre os profissionais do Corinthians e se destacou. Apesar de ser colocado à prova em duelos com Wellington, do Fluminense, foi arma ofensiva importante. No segundo tempo, cresceu, criou pelos lados do campo e deu assistência para o gol de Rodriguinho. 

Cristóvão melhora a equipe no intervalo; Levir tenta de tudo

Ao retirar Marcos Júnior e colocar Levir Culpi recorreu a uma formação com dois atacantes ao invés de três. Marquinho, apesar do gol e bom primeiro tempo, não representou grande progresso no desempenho da equipe, que não se impôs tanto dentro de casa. Já Cristóvão, que vive sob críticas no Corinthians, conseguiu mudar o panorama no intervalo. Os corintianos criaram mais com a entrada de Lucca após 45 minutos de muito toque de bola e poucas oportunidades.

Folgas no Corinthians. Já no Flu, agenda apertada

O treinador Cristóvão Borges concedeu dois dias de folga para os jogadores corintianos, que só se reapresentam no próximo sábado para treinamentos. O compromisso seguinte será apenas na quinta-feira da próxima semana, contra o Sport, na Arena. O Fluminense tem agenda mais apertada: já no sábado, volta a Edson Passos para enfrentar o Figueirense. 

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 1 x 1 CORINTHIANS

Local: Estádio Giulite Coutinho, em Mesquita (RJ)
Hora: 21h45
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Auxiliares: Christian Passos Sorence e Leone Carvalho Rocha (ambos Goiás)
Cartões amarelos: Cícero, Wellington, Marcos Júnior, Cássio, Giovanni Augusto e Lucca
Gols: Marquinho, aos 36min do primeiro tempo, e Rodriguinho, aos 17min do segundo tempo

FLUMINENSE
Diego Cavaleiri; Wellington Silva, Gum, Henrique e William Matheus; Douglas, Cícero, Marquinho (Danilinho) e Gustavo Scarpa; Wellington e Henrique Dourado (Marcos Júnior).
Treinador: Levir Culpi

CORINTHIANS
Cássio; Léo Príncipe, Yago, Balbuena e Uendel; Cristian; Marquinhos Gabriel, Camacho (Willians), Rodriguinho e Marlone (Giovanni Augusto); Guilherme (Lucca). 
Treinador: Cristóvão Borges. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos