Jejum faz Santos rejeitar 'mistão' contra o Vasco

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Daniel Vorley/AGIF

    Santos venceu o jogo de ida por 3 a 1 na Vila Belmiro e pode até perder no Rio de Janeiro

    Santos venceu o jogo de ida por 3 a 1 na Vila Belmiro e pode até perder no Rio de Janeiro

O técnico Dorival Júnior até cogitou internamente, mas descartou a hipótese de utilizar um "time misto" no duelo do Santos contra o Vasco nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no estádio São Januário, válido pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. A equipe santista venceu a partida de ida por 3 a 1 na Vila Belmiro e, por isso, pode até perder por um gol de diferença para se classificar.

Um dos motivos de Dorival escalar o que tem de melhor no elenco é a dificuldade de jogar em São Januário.

O Santos não vence no "alçapão vascaíno" há mais de dez anos. A última vitória do alvinegro praiano em São Januário ocorreu no dia 26 de outubro de 2005, quando a equipe santista venceu por 3 a 1, pelo Campeonato Brasileiro.

Depois disso, o Santos empatou apenas uma vez e perdeu seis partidas em São Januário. Neste período, em 2013, os times ainda se enfrentaram no Maracanã e empataram por 2 a 2.

A última derrota do Santos em São Januário, aliás, tirou o time da Copa Libertadores da América. Isso porque o clube paulista foi derrotado no estádio do Vasco na penúltima rodada do Brasileiro do ano passado e, com isso, viu se encerrar qualquer chance de brigar por uma vaga na competição continental através do Brasileiro.

Na ocasião, Dorival optou por atuar com o time reserva, pois priorizou a decisão da Copa do Brasil, diante do Palmeiras.

Nesta quarta-feira, o Santos só não terá força máxima devido o desfalque de Ricardo Oliveira. O camisa 9 teve uma lesão de grau 1 constatada no músculo posterior da coxa direita e desfalca o time contra o Vasco e também diante do Sport no próximo final de semana.

Rodrigão deve ser o substituto de Ricardo Oliveira, mas não está descartada a hipótese de Jean Mota ganhar mais uma chance no time. Com isso, Copete faria a função de centroavante para a entrada de Mota no lado esquerdo do ataque.

"Dorival vai decidir. Se eu jogar, vou ficar muito feliz. Não conversei com o Ricardo. Não sei qual a situação. Espero que esteja bem. Ele faz falta, é muito importante. Contra o Corinthians eu joguei com ele suspenso. Fui bem e ganhamos. Tenho que ficar com a cabeça fria e trabalhar para fazer gols. Sempre tenho sede de gol, jogando ou não, mas estou tranquilo e Deus vai me abençoar com gols. Nunca joguei Copa do Brasil. É a primeira vez", afirmou Rodrigão.

Desta forma, o Santos deve enfrentar o Vasco com a seguinte formação: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Zeca; Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Vitor Bueno, Copete e Rodrigão.

Para não ser eliminado, o Santos não pode perder por três gols de diferença ou mais ou por 2 a 0. Se acabar 3 a 1 para o Vasco a decisão vai para os pênaltis.

Veja a lista de tropeços do Santos em São Januário em 10 anos

26/11/2006 – Santos 1 x 1 Vasco – Campeonato Brasileiro – São Januário

04/07/2007 – Santos 0 x 4 Vasco – Campeonato Brasileiro – São Januário

08/11/2008 – Santos 0 x 1 Vasco – Campeonato Brasileiro – São Januário

28/09/2010 – Santos 1 x 3 Vasco – Campeonato Brasileiro – São Januário

03/08/2011 – Santos 0 x 2 Vasco – Campeonato Brasileiro – São Januário

21/07/2012 – Santos 0 x 2 Vasco – Campeonato Brasileiro – São Januário

29/11/2015 – Santos 0 x 1 Vasco – Campeonato Brasileiro – São Januário                        

Empate no Maracanã

10/11/2013 – Santos 2 x 2 Vasco – Campeonato Brasileiro – Maracanã

Última vitória

26/10/2005 – Santos 3 x 1 Vasco – Campeonato Brasileiro – São Januário

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos