Vaiado à beira do campo, Willians se diz chateado e promete volta por cima

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

O volante Willians viveu uma situação inusitada nesta quarta-feira, em Itaquera, durante a vitória do Corinthians por 2 a 1 sobre o Cruzeiro. O atleta corintiano estava pronto para entrar em campo, mas foi vaiado pela torcida e viu o treinador Fábio Carille desistir da alteração por alguns minutos. 

Na zona mista da Arena Corinthians, Willians não escondeu a decepção com o episódio. O volante entrou no lugar do meia Rodriguinho aos 32 minutos do segundo tempo  - a substituição, inicialmente, iria ocorrer aos 30  minutos, pouco antes de o Cruzeiro diminuiu o placar.

"Fiquei chateado. Vim aqui para ajudar e quero ajudar logicamente, com a confiança de todos. Estou preparado para ajudar. O treinador fez uma escolha antes do gol. Estou com a cabeça tranquila para trabalhar e ajudar. Estou sempre à disposição. Tem o dedo do treinador, há muitos jogadores no grupo. Eu respeito. Não vou abaixar a guarda. Importante que pude entrar e ajudar", disse o volante.

O treinador corintiano, por sua vez, explicou o motivo da alteração contestada por torcedores presentes à Arena Corinthians. "Foram situações de jogo que aconteceram. O Rodriguinho colocou a mão na perna e eu precisei colocar o Willians e adiantar o Camacho para manter o sistema. A torcida vem com a gente depois de a gente mostrar a nossa entrega", disse.

Willians chegou ao Corinthians em fevereiro deste ano, mas teve poucas chances no time alvinegro. O atleta de 30 anos defendeu a equipe em 21 partidas, apenas três como titular, sem gols marcados.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos