Luan não vê golaço no Puskas e considera Grêmio pronto para quebrar jejum

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

"Foi uma jogada trabalhada e aconteceu rápido.  Quando o Pedro  (Rocha) tocou para o Marcelo (Oliveira) eu vi a possibilidade da bola sobrar para trás. Recuei um pouco e a bola sobrou para mim. Dominei e pensei em finalizar e tirar do goleiro", foi assim que o atacante gremista Luan viu, de dentro do campo, seu golaço contra o Cruzeiro. O feito abriu caminho para a vitória por 2 a 0 em Minas Gerais que deixou o Tricolor em vantagem para o compromisso de volta nesta quarta-feira (02) às 21h45 (horário de Brasília), em Porto Alegre. Qualquer vitória, empate ou até derrota por um gol de diferença coloca o time azul, branco e preto na decisão. 
 
O time trocou passes por mais de um minuto. Depois da bola percorrer o campo todo, parou nos pés do atacante, que encobriu o goleiro rival ao ver que não havia outra alternativa. "Pensei em tirar dele, atirar no canto, colocado, que é como eu chuto melhor. Fui feliz e fiz um belo gol", completou. 
 
Mas mesmo o bonito lance não gera empolgação nas palavras do jovem de 23 anos. É pouco para concorrer ao Prêmio Puskas, por exemplo, na avaliação dele. Mas pode ajudar o Grêmio a chegar a uma final e, quem sabe, ser campeão depois de 15 anos. Algo que pode contribuir até no sonho de atuar na Europa. 
 
Em entrevista exclusiva, Luan comentou a expectativa pela conquista e seus planos de um dia atuar no Velho Continente.
 
Quer receber notícias de Grêmio de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.
 
 
Como foi a repercussão do gol? 
Meus amigos viram o vídeo, assistiram o jogo. Fiquei feliz de marcar um gol bonito, mais feliz por ser importante. O que mais desejo é ser campeão e foi um primeiro passo a semifinal. Um gol que valeu mais. 
 
Você acha que concorre ao Prêmio Puskas (Dado pela Fifa ao gol mais bonito do ano)? 
Acho que não, tem gols mais bonitos. Fico feliz por poder marcar e ajudar o Grêmio. 
 
Você tem contato com o pessoal da seleção olímpica? Comentaram do seu gol?
Eu falo com alguns ainda, temos um grupo e conversamos bastante, mas sobre isso não. 
 

Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Você rompeu um jejum de dois meses com este gol contra o Cruzeiro. Isso estava te incomodando de alguma forma? 
Todos ali da frente se cobram quando não fazem gol. Comigo não é diferente. Isso de maneira alguma me atrapalhou. O objetivo era ajudar o Grêmio a vencer. E eu ajudando o Grêmio a vencer estava tranquilo. 
 
Como você vê o Grêmio podendo voltar a conquistar um grande título, com você como protagonista? 
Por estar tanto tempo sem conquistar um título, vemos no nosso torcedor essa vontade. Conosco não é diferente. A vontade de conquistar algo importante como a Copa do Brasil nos faz ficar focados para atingir o objetivo. 
 

Thomas Santos/AGIF

O que você pode tirar do Renato, como ex-atacante? 
O Renato é um ídolo do clube. Quando ele fala, tentamos escutar. Não só com ele, os treinadores que passaram todos me ajudaram e foram fundamentais para eu crescer. Todos têm alguma parcela. 
 
Na última janela de transferências muitos interessados em você surgiram. Entre eles o Barcelona. Você ficou chateado por não ter sido vendido? 
Eu tenho desejo de ir para Europa e jogar fora. Mas nunca deixei de falar que aqui sou feliz. Aqui tenho tudo. Vou pensar no Grêmio primeiro. Não foi desta vez, será no momento certo. Vou manter minha cabeça boa e seguir pensando no Grêmio. 
 
Você acha que vai pintar alguma proposta concreta na próxima janela? 
É o intuito de terminar bem e ajudar o Grêmio a sair campeão. Isso vai me valorizar e todos os jogadores. Será bom para o clube e também para mim. 
 
O Grêmio tem um legado do Roger Machado, mesmo agora com Renato? 
Cada técnico tem sua maneira. O que fazemos hoje é o que o Renato pede para nós. O Roger nos ajudou muito, chegou num momento difícil no ano passado e nos fez jogar bem. Só demos continuidade e o trabalho do Renato está sendo muito bom e estamos conseguindo resultados. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos