Erazo culpa primeiro jogo por vice-campeonato e explica confusão no final

Do UOL, em Belo Horizonte

O zagueiro Erazo foi categórico ao afirmar que o primeiro jogo do Atlético-MG na Copa do Brasil foi crucial para o time não conseguir o bicampeonato da competição. Depois de perder por 3 a 1 no Mineirão, a equipe alvinegra até tentou, mas só ficou no empate por 1 a 1 com o Grêmio, em Porto Alegre, e vai voltar para Minas sem a taça.

"Foi em BH (time perdeu o título). O time estava desorganizado, hoje acertamos mais coisas, jogamos mais. Mas o resultado é produto do trabalho que fizemos. O Grêmio está de parabéns, um rival que lutou até o final. Agora é descansar, voltar bem que o ano que vem tem Libertadores. Não adianta ficar lamentando", comentou o jogador.

Erazo também explicou a confusão na área gremista no final do jogo. Junto com o apito final, jogadores dos dois clubes protagonizaram uma pequena confusão, segundo o zagueiro, normal em uma final.

"Faz parte, foi uma confusão com o Kannemann dentro da área, ficou aquele empurra empurra, se agarrando. Só uma pequena briga, mas faz parte", definiu.

Depois de perder o primeiro jogo por 3 a 1 no Mineirão, o Atlético-MG passou mais tempo com a bola nesta segunda partida, mas pouco conseguiu agredir o gol de Marcelo Grohe. Como a partida diante da Chapecoense, pela última rodada do Brasileirão, não será realizada, os jogadores já serão liberados para férias e só se reapresentam em janeiro do ano que vem.

Quer receber notícias do Atlético-MG de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos