Defesa do Corinthians vira trunfo em estreia na 'nova' Copa do Brasil

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

  • Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

    Zagueiro Balbuena é um dos líderes do elenco do Corinthians

    Zagueiro Balbuena é um dos líderes do elenco do Corinthians

O Corinthians vai estrear na Copa do Brasil na noite desta quarta-feira contra a Caldense, em Poços de Caldas, com um trunfo importante para o novo formato da competição. O time alvinegro não sofre gols há 363 minutos e, se mantiver a escrita, avança à fase seguinte da competição nacional.

O cenário atual é favorável ao Corinthians. Depois de quatro partidas na temporada, a defesa corintiana só foi vazada uma vez, contra o Vasco, na Florida Cup. Depois da vitória por 4 va 1 sobre os cariocas, o time não sofreu gols diante de São Paulo (0 a 0), Ferroviária (1 a 0) e São Bento (1 a 0).

O regulamento do torneio mudou em 2017. Agora, os confrontos da primeira fase serão disputados em jogo único. Os visitantes jogam por um empate. O fato se repetirá na etapa seguinte. Nos anos anteriores, a equipe que atuava fora de casa precisava vencer por dois gols de diferença.

Segundo Fábio Carille, o bom desempenho do setor defensivo do Corinthians nos primeiros jogos da temporada está ligado à estratégia adotada pelo treinador na pré-temporada. A intenção é dar solidez à equipe antes de tudo.

"Sempre deixei muito claro a questão que tínhamos de arrumar por partes. A primeira ideia foi cuidar do sistema defensivo para depois ir equilibrando o meio e o ataque. A cada dia vamos conseguir uma resposta melhor nisso", disse o treinador do Corinthians.

Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Cássio em ação contra o São Bento

Trabalho de todos

O zagueiro titular Balbuena, que terá Pablo ao seu lado pelo terceiro jogo seguido, deu ênfase à marca sem sofrer gols. O atleta, no entanto, ressaltou que o time corintiano ainda está no começo de um trabalho. 

"Importante não tomar gols. Significa que estamos fazendo um trabalho. Mas é começo do ano é tem muito trabalho para a gente continuar não sofrendo gol e com essa regularidade. Temos de dar sequência, tem muito jogo pela frente. Tem de continuar nessa pegada", frisou o zagueiro paraguaio.

Cássio, por sua vez, comparou o Corinthians atual com o de 2016. De acordo com ele, a formação e a postura nesta temporada faz a equipe alvinegra sofrer menos riscos durante os jogos.

"Hoje vem duas ou três bolas. A equipe está bem organizada e dificulta para os adversários chegarem no nosso gol. No ano passado, quando eu e o Walter jogávamos, vinha muitas bolas no gol. Esse ano a gente já começou bem, Todo mundo está entendendo que precisa de todo mundo para defender e ajudar. Sem tomar gols, ficamos mais perto da vitória", disse o goleiro.

Balbuena também creditou a boa fase ao conjunto corintiano. "A marcação forte, começando da parte do ataque. Todo time ter essa consistência ajuda muito a gente. Não é só a parte defensiva. O time todo está muito encaixado", disse,

FICHA TÉCNICA

CALDENSE x CORINTHIANS 

Data: 8 de fevereiro de 2017, quarta-feira
Horário: 21h45 (horário de Brasília)
Competição: Copa do Brasil (1ª fase)
Local: Estádio Dr. Ronaldo Junqueira
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ)
Assistentes: Luiz Claudio Regazone e Thiago Corrêa Farinha (ambos do RJ)

CALDENSE: Neguet; Grafite, Marcelinho, Hélio e Cesar; Álvaro, Thiago Carpini, Maradona e Cristiano; Rafamar e Zambi. Técnico: Thiago Oliveira

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Marciel; Gabriel; Giovanni Augusto, Fellipe Bastos, Rodriguinho e Marlone; Jô; Técnico: Fábio Carille

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos